Amazonas Destaques Manaus

Whindersson lamenta não poder gravar especial da Netflix em Manaus

Whindersson Nunes anunciou em seu Twitter na tarde de hoje que o show que gravaria em Manaus, esse ano, não será realizado. “Galera de Manaus infelizmente não vou conseguir gravar aí porque não queria usar um teatro tão bonito com menos pessoas do que cabe”, disse.

Ainda no post, Nunes revelou que projetou uma estrutura para obedecer o distanciamento social correto e o período de chuvas que a cidade recebe poderia causar problemas às gravações.

Mais cedo, o humorista adiantou as más notícias através do seu Instagram e disse que acreditava que a gravação para a plataforma de streaming Netflix poderia não ocorrer em Manaus. “Galerinha de Manaus, eu acho que meu show do Netflix, eu não vou conseguir gravar mais ai (sic) por conta do esquema que a gente tá querendo fazer e vai tá numa época de chuva. Eu acho que não vou conseguir fazer”, afirmou.

Whindersson disse ainda que mudaria o local de gravação mas que aconteceria ainda no ano de 2020. “Porque eu preciso gravar pra netflix esse ano o meu novo show. Então eu vou ter que mudar porque eu não vou conseguir fazer no Teatro Amazonas como eu queria que fosse e eu queria aproveitar o teatro da melhor forma possível porque ele é muito lindo. Um dos teatros mais lindos do mundo”, elogiou.

“Eu vou tentar fazer no próximo. Nesse de agora, eu já bolei um esquema só estou agora pensando no local”, disse sem dar mais detalhes. O piauiense pediu ainda que os fãs enviassem sugestões de cidade para sua gravação.

Whindersson garantiu que irá priorizar a segurança em relação a pandemia e que em seu novo projeto irá procurar manter todas as normas, incluindo o distanciamento social e que seu novo show no netflix será lançado em 2021.

Publicações relacionadas

Casal assalta idosa e é surpreendido por policial a paisana em Manaus

Redação

Wilson Lima anuncia o reajuste no preço da subvenção da juta e malva para os próximos anos

Redação

Em entrevista, Amazonino diz que David esconde apoio de Wilson Lima

Redação

Deixe uma resposta