Amazonas Destaques Manaus Polícial

Vigilante do Gran Vista confessa que matou servidora do TRT

Manaus – Na tarde desta terça-feira (31), o vigilante do prédio Gran Vista, localizado no bairro Ponta Negra, na zona Norte de Manaus, confessou à Polícia Civil que foi o autor do assassinato da servidora do TRT, Silvanilde Veiga.  O suspeito se entregou após 10 dias do crime que chocou a cidade de Manaus.

O Delegado Titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), Ricardo Cunha, convocou a imprensa para prestar mais detalhes sobre a prisão do indivíduo, que ainda não teve o nome divulgado. 

Até o momento, o não se sabe se o suspeito agiu sozinho ou teve ajuda de terceiros, ou se até mesmo está servindo de álibi para alguém . O crime ocorreu no dia 21 de maio, no apartamento da vítima. Ela foi morta com cerca de 12 facadas.

Publicações relacionadas

Prefeito David Almeida abre ano legislativo com leitura da Mensagem Governamental

Redação

Após depoimento, CPI aponta indícios de que empresária seja ‘laranja’ em esquema

Redação

Conselheiro do TCE acata recurso de empresa e suspende pregão da Semef

Redação

Deixe um comentário