Amazonas Destaques Manaus

Vereadores de Manaus usam mais de R$ 2,7 milhões do ‘cotão’

Manaus – A matéria Detran-AM faz farra com contratos por dispensa de licitações durante pandemia da Covid-19 foi destaque no programa AMAZONAS DIÁRIO, nesta sexta-feira (4). O programa é apresentado pelo jornalista Alex Braga, do GRUPO DIÁRIO DE COMUNICAÇÃO (GDC), e é transmitido de segunda a sexta-feira, das 18h às 20h, pelos canais 27.1 (aberto) e 78 (Net TV) e pelas redes sociais do grupo. ]

Os 41 vereadores da Câmara Municipal de Manaus (CMM) gastaram mais de R$ 2,7 milhões da Cota de Exercício da Atividade Parlamentar (Ceap), nos cinco primeiros meses do ano. Desse total, 95% foram gastos com aluguel de veículos, publicidade e combustíveis. Por mês os parlamentares têm direito a R$ 18 mil do ‘cotão’.

O levantamento foi feito pelo Portal AM1 com base nos dados disponibilizados, entre janeiro e maio de 2020, pelos vereadores no Portal da Transparência da CMM.

De acordo com as informações, só em janeiro foram gastos cerca de R$ 590.9 mil pelos parlamentares. Vale destacar que as atividades na Câmara Municipal estavam suspensas devido o recesso de fim de ano e só foram retomadas em fevereiro.

No período foram desembolsados R$ 209 mil para locação de veículos; R$ 192 mil foram destinados para pagar “divulgação de atividade parlamentar” e R$ 169 mil para uso de combustíveis. O restante foi gasto com telefonia, assessoria técnica e outros serviços.

Segundo os dados, em fevereiro os gastos chegaram a cifra de R$ 740 mil. No segundo mês do ano, os gastos foram liderados por notas fiscais referentes a divulgação de mandato (R$ 254 mil); aluguel de carros (R$ 226 ) e combustíveis (R$ 222 mil).

Quarentena 

Já em março, mês em que foram suspensas as atividades presenciais na Casa Parlamentar e começaram a realizar reuniões por videoconferência, a CMM desembolsou R$ 257 mil com publicidade; R$ 232 mil com combustíveis e R$ 210 mil com locação de veículos.

Nesses três primeiros meses, os vereadores gastaram cerca de R$ 2.072.227,23 do ‘cotão’. O valor representa 76% do valor total gasto até maio.

Ainda conforme o levantamento, em abril as despesas caíram para quase R$ 250 mil. A cifra é três vezes menor se comparado aos meses anteriores. No entanto, mesmo sem atividades na CMM, os vereadores gastaram mais de R$ 147 mil só com aluguel de carros e R$ 51 mil com combustíveis.

No mês seguinte (maio) o gasto dos parlamentares subiu para R$ 408 mil, sendo R$ 159 mil destinados para locação de veículos; R$ 120 mil com divulgação parlamentar e R$ 92 mil com combustíveis.

Gastadores 

Segundo o levantamento da reportagem, o vereador Mauro Teixeira (PMN) lidera o ranking da utilização do cotão, de janeiro a maio deste ano. O parlamentar declarou ter usado R$ 89,5 mil distribuído entre notas fiscais referentes a divulgação de mandato (R$ 48.3 mil); combustíveis (R$ 31,2 mil) e locação de veículos (R$ 10 mil).

O portal mostrou que o vereador gastou toda a cota mensal em fevereiro e março, fazendo uso do saldo restante do mês de janeiro.

Em seguida aparece o vereador Rosivaldo Cordovil (PSDB) que declarou ter usado pouco mais de R$ 87 mil do benefício, durante cinco meses. Desse total, R$ 27 mil foram destinados para publicidade; R$ 22 mil para combustíveis, R$ 34 mil para aluguel de carros. O restante foi gasto com telefonia.

Já o vereador Diego Afonso (PDT) gastou mais de R$ 85,9 mil no período, dividido em R$ 45 mil de publicidade; R$ 28,8 mil em combustíveis e R$ 10 mil em aluguel de carros.

Por outro lado, os parlamentares Hiram Nicolau (PSD) e Edson Bentes “Papinha” (PR) são os vereadores que menos gastaram em cinco meses. Nicolau usou apenas R$ 21 mil, seguido de Bentes que gastou R$ 32,5 mil.

Sessão híbrida

No inicio deste mês, a CMM  retornou os trabalhos presenciais da Casa Legislativa, por meio de sessão plenária hibrida (virtual e presencial). Segundo o presidente da Casa Joelson Silva (Patriota), o procedimento foi adotado como precaução em atendimento às medidas de isolamento social e como prevenção ao novo coronavírus.

Publicações relacionadas

PF realiza buscas e prisões em Manaus, em desdobramento da operação Sangria

Redação

Governo autoriza entrada de visitantes do grupo de risco nas unidades prisionais do AM a partir de 3 de agosto

Redação

Terceirizados da saúde protestam em frente à maternidade em Manaus para cobrar quatro meses de salários atrasados

Redação

Deixe uma resposta