Amazonas Destaques Manaus

Vacinação contra a Covid-19 é liberada para todas as grávidas e puérperas

A partir desta quarta-feira, 12/5, todas as grávidas e puérperas (mulheres com até 45 dias após o parto), mesmo sem comorbidades, poderão tomar a vacina da Pfizer/Biontech contra a Covid-19 no ponto de vacinação da Prefeitura de Manaus, localizado no Centro de Convivência da Família Padre Pedro Vignola, na rua Gandu, 119, Cidade Nova, zona Norte. A decisão de abrir a vacinação para esse público considerou a previsão de chegada de novas remessas desse imunizante e a demanda reduzida no posto exclusivo. Com isso, a prefeitura segue avançando nos grupos mais vulneráveis, que têm a indicação para receber a vacina.

“Desde o início da campanha, no dia 19 de janeiro, as equipes da Semsa (Secretaria Municipal de Saúde) estão mobilizadas para assegurar que a vacina chegue a quem deve ser imunizado primeiro. Já aplicamos, até hoje, 537.693 doses. Até o próximo sábado devemos concluir o grupo de 18 a 59 anos com comorbidades e começar a vacinar as pessoas com deficiência permanente. Chegando mais vacinas, seguiremos para outros públicos”, informou o prefeito de Manaus, David Almeida.

A partir da abertura para todas as grávidas e puérperas, o agendamento via plataforma Imuniza Manaus, não será mais obrigatório, bastando a apresentação de documento de identificação com foto e CPF, a caderneta de acompanhamento da gestante/pré-natal ou laudo médico que ateste a gravidez. No caso das puérperas é preciso levar a declaração de nascimento ou certidão de nascimento da criança.

“No caso desse público, o atendimento será feito independentemente de agendamento pelo site. O ideal é que o cadastro seja feito como forma de agilizar o atendimento no posto, mas não será exigência. Nossa orientação é para que, quando forem ao ponto de vacinação, elas observem os protocolos de segurança, com o uso de máscara, de álcool em gel para a higienização das mãos e que mantenham o distanciamento”, orienta a secretária da Semsa, Shádia Fraxe.

A estimativa é de que, em Manaus, existam, no momento, 28.454 gestantes e 4.677 puérperas. Até as 15h desta terça-feira, já haviam sido vacinadas 217 gestantes e 73 puérperas.

A vacinação das grávidas e puérperas é feita em ponto único em razão das especificidades do imunizante. Às segundas-feiras, o horário de vacinação é das 13h às 16h, pela necessidade de descongelamento do imunizante para uso, porque o prazo de utilização é de até cinco dias após esse processo. De terça-feira a sábado, o atendimento será dentro do horário estabelecido para a campanha de imunização contra a Covid-19, para todos os pontos de vacinação: das 9h às 16h.

— — —

Texto – Sandra Monteiro / Semsa

Publicações relacionadas

Amarrada, adolescente é resgatada após ser sequestrada em Manaus

Redação

Fábrica de cerveja é interditada após vigilância sanitária encontrar 1,8 tonelada de malte com fezes de rato em Manaus

Redação

Governo do Amazonas reitera compromisso de transparência no processo de contratação direta de técnicos de enfermagem

Redação

Deixe uma resposta