Amazonas Destaques Manaus

Uma Manaus que não dorme e a operação da Polícia Federal

A noite de quarta-feira nem havia começado e rumores já se espalhavam pela cidade. “Amanhã os meninos vão estar nas ruas”. Era a senha para mais uma operação da Polícia Federal. Nada além de rumores, que se concretizaram ao amanhecer. O centro da operação era o Acre, mas endereços foram “visitados” em Manaus e um empresário preso.

Um terço da cidade não dormiu, mas terminou  esta quinta-feira aliviado, como se todos guardassem um grande segredo.

A Polícia Federal não age por si mesma, executa decisões judiciais, porém é nela o foco de todas as atenções.

Os alvos sempre são políticos e empresários, quando não juízes e até mesmo policiais envolvidos em corrupção.

Apesar de todos os mecanismos de controle – e são muitos – recursos públicos ainda são desviados e sempre serão, porque por mais aprimorado que seja o sistema, as pessoas não se contentam com o que é delas. Sempre estão desejando mais e o poder lhes confere facilidades e oportunidades que os mais “honestos” não têm.

Mas não dá para concordar com o inesquecível  Millor  Fernandes( 1923-2012), que em uma  de suas colunas no semanário o “Pasquim” e na revista “O Cruzeiro”, já extintos, deixou muita gente “honesta” pensativa: “devemos sempre deixar bem claro que nenhum de nós, brasileiros, é contra o roubo. Somos apenas contra ser roubados“.

Millor viveu em um tempo em que era normal as pessoas dizerem que determinados governantes roubavam, mas trabalhavam e apresentavam resultados.

O que mudou? Surgiram os órgãos de controle, mas como a corrupção é endêmica, aqui e ali espoca um escândalo. Até a PF, para enfrentar a corrupção, muitas vezes é obrigada a cortar na própria carne…

O exemplo mais marcante foi a prisão de Newton Ishil, em 2016. Ele ficou conhecido como “o Japonês da Federal”. Era o agente que conduzia  pelo braço os presos da Operação Lava Jato. Ishil foi acusado, preso e condenado por facilitar a ação de contrabandistas. Um  duro golpe na imagem da Polícia Federal…

Publicações relacionadas

Após festa de Carlinhos Maia cerca de 48 pessoas pegam covid, 2 estão na UTI

Redação

Prefeitura implanta rede de drenagem profunda com mais de 300 metros de extensão no bairro Parque 10

Redação

ESTUDANTES DA PB SÃO FINALISTAS EM CONCURSO COM APPS DE EDUCAÇÃO E FINANÇAS

Redação