Amazonas Destaques Manaus

TCE vai fiscalizar contratos de coleta de lixo em Manaus e mais nove municípios do Amazonas

O Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM) aprovou, nesta terça-feira (30), a realização de auditoria extraordinária nos contratos de prestação serviços de limpeza pública e coleta de resíduos sólidos urbanos na capital Manaus e mais nove municípios do interior: Presidente Figueiredo, Iranduba, Itacoatiara, Tabatinga, Benjamin Constant, São Gabriel da Cachoeira, Barcelos, Humaitá, Tefé.
A auditoria foi solicitada pelo Departamento de Auditoria em Desestatizações, Concessões e Preços Públicos (Deadesc) da própria Corta de Contas que explicou que as dez cidades serão alvo do levantamento, porque apenas eles têm contratos para prestação de serviços de limpeza pública e coleta de resíduos sólidos. Nos demais municípios, os serviços são executados pelas próprias prefeituras.
De acordo com o presidente do TCE-AM, conselheiro Mário de Mello, o objetivo principal da auditoria será identificar se os valores pagos correspondem aos serviços prestados. “Com a Auditoria Extraordinária, vamos tornar mais transparentes as formas contratuais, os valores pagos e a real situação de cada cidade que terceirizou e/ou concedeu/delegou os serviços de limpeza pública e coleta de resíduos sólidos urbanos”, explicou ele.
Após a auditoria extraordinária, deve ser apresentado um relatório ao Tribunal Pleno e, ainda, a proposta de criação de um “Manual de Orientações Técnicas para Elaboração de Projeto Básico de Coleta de Resíduos Sólidos Urbanos por meio de Concessão ou PPP”. A relatora das auditorias será a conselheira Yara Lins.

Cronograma

O cronograma de ações da auditoria vai começar por Manaus, no período de 07 a 20 de abril, seguindo para Presidente Figueiredo de 10 a 14 de maio; Iranduba de 17 a 21 de maio; Itacoatiara de 17 a 28 de maio. Em junho a auditoria seguirá para os municípios de Tabatinga e Benjamin Constant, no período de 07 a 19; São Gabriel da Cachoeira e Barcelos de 28/06 a 10 de julho e Humaitá de 19 a 24 de julho, terminando em Tefé, no período de 2 a 7 de agosto.

Publicações relacionadas

Órgãos vão apurar caso Del Giglio

Redação

Policiais militares ficam feridos após viatura capotar durante ocorrência no Centro de Manaus

Redação

Congresso ‘Manaus Grande de Novo’ reúne conservadores em Manaus

Redação

Deixe uma resposta