Amazonas Destaques Manaus

Suspeito que participou do assalto ao GRUPO DIÁRIO é localizado, mas não é preso no AM

Manaus – A Delegacia Especializada em Roubos Furtos e Defraudações (Derfd) identificou um dos suspeitos que participou do assalto à equipe de reportagem do GRUPO DIÁRIO DE COMUNICAÇÃO (GDC), no último dia 15 de abril, em Manaus. O jovem Adriano Silva do Nascimento foi localizado, ouvido, mas não pode ser preso.

O pedido de prisão em nome de Adriano foi solicitado, mas o pedido foi indeferido pelo juiz plantonista (Foto: Divulgação)

O pedido de prisão em nome de Adriano foi solicitado, mas o pedido foi indeferido pelo juiz plantonista. Adriano foi quem conduziu a motocicleta no dia do crime. A moto utilizada pela dupla criminosa foi apreendida. A polícia civil segue investigando o caso.

Relembre o caso

No dia último dia 15 de abril, a equipe de reportagem do GRUPO DIÁRIO DE COMUNICAÇÃO (GDC) foi vítima de um assalto, no bairro Coroado, zona leste de Manaus.

Leia mais: Cinegrafista do GDC é baleado em assalto durante gravação em Manaus

Durante a ação criminosa, o repórter cinematográfico Renê Silva foi baleado. A jornalista Natasha Pinto estava junto com o profissional no momento do assalto e não ficou ferida.

Fonte: D24am. Leia mais em https://d24am.com/amazonas/policia/suspeito-que-participou-do-assalto-ao-grupo-diario-e-localizado-mas-nao-e-preso/

Publicações relacionadas

Juiz manda soltar chefe do tráfico de Presidente Figueiredo sete dias depois que ele foi preso pela PC e PRF

Redação

Nota: Lei nº 2.643, que torna o uso de máscara de proteção obrigatório em Manaus

Redação

Furto de cabos elétricos deixa bairros de Manaus sem água

Redação

Deixe uma resposta