Amazonas Destaques Manaus

Romero Reis é o candidato a prefeito mais rico do Brasil

Revista Nacional diz que Manaus virou o jogo

O voo mais curto do Brasil está na Região Norte

Candidato atira pra todo lado mas só consegue o efeito bumerangue

O candidato do partido nanico, O empreiteiro Romero Reis, com R$ 25 milhões em patrimônio declarado, é o mais rico entre todos os 317 políticos que concorrem às prefeituras nas 26 capitais brasileiras. O segundo mais rico é Hildon Chaves (PSDB de Porto Velho -RO) que declarou R$ 20 milhões. E o terceiro maior patrimônio é de Vanderlan Cardoso (PSD) de Goiânia (GO), com R$ 14 milhões em patrimônio. Até ontem (18), Romero Reis arrecadou R$ 101.768,40, sendo que R$ 100 mil foram doados pelo próprio candidato.

Dinheiro chega aos prefeituráveis

David Almeida (Avante) já arrecadou R$ 720 mil, sendo que R$ 700 mil foram doados pela direção Nacional do partido e R$ 20 mil por Tadeu de Souza Silva. Alberto Neto (Republicanos) arrecadou 595.500,00, dos quais R$ 425 mil foram de doação da Direção Estadual do seu partido e R$ 75 mil doados pelo candidato a vice, Orsine Júnior. Alfredo Nascimento continua com a maior arrecadação (R$ 6 milhões que foram doados pela direção nacional do PL. Amazonino Mendes já arrecadou R$ 1.470.000,00, R$ 1.060.000,00 doados pela direção municipal do Podemos e R$ 410 mil pela direção estadual do PSL. O petista José Ricardo tem em conta R$ 1.247.000,00, sendo que R$ 1.240.000,00 doados pela direção nacional do partido.

Manaus nas páginas nacionais

A revista “Isto É, destacou medidas tomadas pelo prefeito Arthur Neto, como exemplo de boa gestão, em ampla reportagem com o título “Manaus vira o jogo”. Entre as ações do prefeito, a revista cita o equilíbrio financeiro, mesmo com a pandemia. “Cortou gastos, mantém maior parte dos funcionários em home office, garantiu o equilíbrio financeiro da Previdência e manteve o ritmo de obras em toda capital, realizando entre outras, o maior programa de todos os tempos de asfaltamento da capital, implantado desde 2019 e que chega em outubro a sua sétima edição, recuperando centenas de ruas”, destaca.

Candidata é destaque no Estadão

A campanha de Michele Guimarães (PL 22.092), candidata a vereadora em Manaus, foi destaque em reportagem do jornal O Estado de São Paulo com vasto currículo e preparação em cursos do RenovaBR, Raps e o Agora. Michele teve direito ainda a uma foto tendo rio Negro como cenário.

Amom e a tecnologia

Outra campanha que vem crescendo e conquistando os jovens é a do microempresário Amom Mandel (Podemos 19.111), que tem no currículo trabalhos voluntários para a ONU e Fundação Wikimédia. A campanha de Amom (19 anos) tem como foco a tecnologia e modernização dos serviços públicos com o uso de aplicativos. “Temos que trazer para os serviços públicos a revolução tecnológica que presenciamos no setor privado”, defende Amom.

Espaço para inclusão

Quem também vem se destacando nessa corrida pela Câmara Municipal de Manaus é Ingrid Mendonça (Avante 70020). Ela é deficiente visual, presidente licenciada da Associação de Deficientes Visuais do Amazonas e tem uma história de superação.

O voo mais curto do Brasil

Levantamento feito pela Anac ( Agência Nacional de Aviação Civil) revela que o vôo doméstico mais curto no Brasil dura, em média 17 minutos, ligando as cidades de Óbidos e Oriximiná, no Pará. E o voo mais longo, acontece de Guarulhos, São Paulo até Rio Branco, no Acre, com mais de quatro horas de duração.

Waldemir sem noção

O ex-vereador Waldemir José ( PT 13.601), que tenta mais uma vez voltar à Câmara Municipal de Manaus, promete que, se eleito, irá apresentar uma lei para que as greves de ônibus sejam com catraca livre. O petista esquece que só quem pode legislar sobre direto do trabalho é a União.

Candidato bumerangue

Chico Preto (DC) vem acumulando derrotas antes mesmo da eleição. O vereador foi excluído dos debates, tem a impugnação de sua candidatura solicitada pelo Ministério Público Eleitoral e agora foi condenado a pagar R$ 30 mil por insistir em manter postagem caluniosa contra Amazonino Mendes. E para completar, Chico Preto está desidratando nas pesquisas eleitorais, mas continua atirando pra todos os lados. Até agora a pontaria tem se caracterizado como efeito bumerangue

Publicações relacionadas

Amazonino antecipa retorno a Manaus

Redação

Governo do Amazonas economizará R$ 36 milhões por ano com a contratação direta de técnicos de enfermagem

Redação

Biden vence em Michigan e fica a 17 delegados de vencer eleições nos EUA

Redação

Deixe uma resposta