Amazonas Destaques Manaus

Roberto Cidade cobra repasses do Fundeb das prefeituras de Presidente Figueiredo e Borba

O presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas, deputado Roberto Cidade (PV), cobrou, nesta quinta-feira (23), das prefeituras de Presidente Figueiredo e Borba o repasse do rateio do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb) aos professores das redes municipais de ensino daquelas cidades.

O parlamentar lembrou que, de acordo com dados da Confederação Nacional de Municípios (CNM), Figueiredo recebeu R$ 36,7 milhões de repasses do Fundeb e Borba R$ 32,2 milhões, o que não justifica a ausência da transferência para os profissionais do magistério.

“Não existe justificativa para a prefeita de Presidente Figueiredo e o prefeito de Borba não repassarem a sobra do Fundeb para os professores e outros profissionais da Educação, como está fazendo o Governo do Estado e as outras prefeituras do Amazonas”, afirmou.

“Me solidarizo com os professores por essa situação absurda do não rateio do Fundeb. Logo eles, que se dedicam diariamente pela educação, pelo bem e pelo futuro das nossas crianças! Não mereciam esse desprezo”, completou.

Neste ano, o Governo do Amazonas pagará o maior abono da história do Estado aos professores. Os valores variam de R$ 12,6 a R$ 37,8 mil para professores, pedagogos e servidores técnicos e administrativos. No total, R$ 482 milhões da sobra do Fundeb foram destinados aos profissionais da rede estadual.

Publicações relacionadas

Base Arpão sai de Manaus com destino ao município de Coari

Redação

Bandidos arrombam portão de PAC em Manaus para roubar agência bancária

Redação

Presépio flutuante é entregue em Manaus e distribuirá presentes para ribeirinhos

Redação