Amazonas Destaques Manaus

Racha no Tribunal de Justiça do Amazonas tem a intervenção do CNJ

Não bastasse a crise política, com o governador sob ameaça de impeachment, a crise econômica e a crise sanitária por conta da pandemia da Covid-19, o Amazonas enfrenta agora um racha no Judiciário. A disputa pela presidência da Escola de Magistratura (Esmam) entre dois grupos do judiciário amazonense pelo cargo sofreu a “intervenção” do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). A conselheira Maria Cristiana Simões Amorim Ziouva viu possível interpretação ilegal e suspendeu a nomeação do desembargador João Simões para a presidência da Esmam feita pelo presidente do TJAM, Domingos Chalub, e referendada pelo Pleno do Tribunal. A conselheira do CNJ acolheu, em parte, o pedido de liminar impetrado pelo desembargador Yedo Simões, que exige o cargo, suspendeu a nomeação de João Simões e colocou interinamente para presidir a Esmam a desembargadora Joana dos Santos Meireles.

Hospital abandonado

A CPI da saúde constatou que o hospital Francisca Mendes, referência no Amazonas de cirurgias cardiovasculares, está abandonado. Sem equipamentos, pessoal e material cirúrgico necessários, o Francisca Mendes tem 600 pacientes aguardando por procedimento cirúrgicos, alguns em estado grave. São 435 adultos e 180 crianças cardiopatas, segundo o relator da CPI, deputado Fausto Junior (PRTB).

Volta de Arthur Neto

O prefeito Arthur Neto deverá ter alta na próxima semana. Ele e a esposa Elisabeth Ribeiro, estão internados no Hospital Sírio Libanês, se recuperando do covid-19.

Vitória de Wilson

O Tribunal de Conta do Estado do Amazonas (TCE) negou pedido do procurador de Contas, Carlos Almeida, pai do vice-governador, para proibir o governador Wilson Lima (PSC) de “praticar atos relacionados à gestão dos recursos públicos na área da saúde”. A decisão foi publicada no Diário Oficial do TCE de terça-feira, 14. Carlos Almeida alegava “notória falta de credibilidade do governador para a administração dos recursos públicos na era da Educação”.

Gastança na Câmara

Os 41 vereadores da Câmara Municipal de Manaus torraram mais de R$ 2,7 milhões da Cota de Exercício da Atividade Parlamentar (Ceap), nos cinco primeiros meses do ano. Desse total, 95% foram gastos com aluguel de veículos, publicidade e combustíveis. Por mês os parlamentares têm direito a R$ 18 mil do ‘cotão’.

Internações caem pela metade

O Amazonas está próximo de atingir a marca de 90 mil pessoas que testaram positivo para Covid-19, mas as internações estão em baixa. O número de pacientes confirmados com a doença é metade do registrado há um mês. Ontem (15), segundo boletim da FVS-AM, eram apenas 70, sendo 55 nos hospitais públicos e 15 nos hospitais privados.

Incêndio zero

O decreto que proíbe uso de fogo na Amazônia e no Pantanal por 120 dias está pronto e deve ser assinado pelo presidente Jair Bolsonaro nesta quinta-feira (16/7) na tentativa de conter o desmatamento e os incêndios na floresta amazônica e em outros biomas brasileiros, cedendo à pressão de empresários nacionais e estrangeiros. O problema é que os órgãos de controle sofreram desmonte deflagrado pelo próprio Governo Federal.

Cotas da Universidade

Situações envolvendo estudantes que se utilizaram de formas ilegais de cotas raciais ( brancos se passando por negros, por exemplo) para acesso na Ufam foram denunciadas no início desse ano em redes sociais. A Reitoria da Universidade divulgou uma extensa nota sobre o assunto informando que o fato estava sendo apurado. De lá pra cá nenhuma notícia sobre o caso.

Discurso pelo gás

O presidente da Assembleia Legislativa, Josué Neto, (PRTB) não arquivou as esperanças. Ele considera ser possível convencer os seus colegas de parlamento, a derrubar o veto do governador Wilson Lima a respeito da flexibilização na exploração do gás natural. Josué diz que a mudança da lei vai abrir novas possibilidades para a economia do Amazonas.

Publicações relacionadas

Áudio da PF liga Wilson Lima à compra dirigida

Redação

TRT-11 suspende validade de concurso público para vagas de analista e técnico judiciário

Redação

Como funciona o tratamento que pode evitar a infecção por HIV?

Redação

Deixe uma resposta