Amazonas Destaques Manaus

Professor Calheiros morre em Manaus aos 51 anos, vítima da Covid-19

O professor, escritor e advogado Francisco Calheiros faleceu nesta quarta-feira (25). Ele estava internado no Hospital São Lucas desde o dia 9, com quadro de Covid-19.

A notícia do falecimento foi dada por Pedro Calheiros, um dos quatro filhos que o professor deixa. O corpo deve ser levado nesta quinta-feira para Itacoatiara, cidade natal de Francisco Calheiros.

“A Família Calheiros agradece a todos que estiveram conosco em oração pela vida da grande personalidade que sempre foi o professor Calheiros, que há anos sempre nos encantou com o seu brilhante jeito de ensinar”, diz a nota assinada por Pedro Calheiros.

Com trajetória de destaque na docência da Língua Portuguesa, Calheiros ganhou notoriedade também como advogado. O último caso por ele defendido foi o da pequena Isadora Tury, que terminou com sucesso na luta da garota pela vida, uma vez que Calheiros conseguiu, na Justiça, o direito de que ela recebesse da União os R$ 9 milhões necessários para o tratamento. 

Tristemente, menos de duas semanas após ele obter a sentença favorável a Isadora, Calheiros foi internado com Covid-19 e acabou falecendo.

Publicações relacionadas

Maioria na ALE ignora denúncias no Governo

Redação

Universitário morre a caminho da faculdade após acidente entre motocicletas no Distrito Industrial

Redação

Terminal de ônibus do São José e Ponta Negra recebem apresentação do solo ‘Recolon’

Redação

Deixe uma resposta