Amazonas Cotidiano Destaques Manaus

Prefeitura promove ações de combate à hanseníase no ‘Janeiro Roxo’

Reforçando o compromisso de controle da hanseníase na capital amazonense, a Prefeitura de Manaus irá realizar ações no decorrer do mês de janeiro. A abertura da Campanha “Janeiro Roxo” será no dia 7/1, às 9h, no Shopping Phelippe Daou, na Avenida Camapuã, 2939, zona Leste.

Durante a programação, serão realizadas ações em saúde, em parceria com a Fundação Alfredo da Matta (Fuam), incluindo triagens dermatológicas, atendimentos médicos (clínicos e dermatológicos), testagem rápida para sífilis, hepatite e HIV, avaliação antropométrica, teste de glicemia capilar, aferição de PA, exames de preventivos, imunização e atividades lúdicas para as crianças, de rotina na programação do shopping.

“Nossa programação está inserida no ‘Saúde nas Galerias’, que a administração do prefeito Arthur Virgílio Neto desenvolve nas galerias populares. A escolha do Shopping Phellipe Daou considerou o fato de as zonas Leste e Norte serem as de maior incidência em casos de hanseníase em Manaus”, explicou o secretário municipal de Saúde, Marcelo Magaldi.

Os objetivos da ação são orientar a população sobre prevenção e detectar novos casos da doença ainda em estágio inicial. “Nesse dia teremos, inclusive, médicos dermatologistas fazendo avaliações e testes para a detecção precoce da doença e, para os casos positivos, orientação de tratamento imediato”, completou Magaldi.

A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) vem desenvolvendo ações para o controle da hanseníase, como: busca ativa de casos novos com a ampliação da oferta de exames de pele nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) e em escolas com o Programa Saúde na Escola (PSE); capacitações para os profissionais de saúde, contribuindo para o diagnóstico precoce na população em geral, e na qualificação do tratamento dos pacientes. 

Em 2018, Manaus registrou 116 casos, com uma Taxa de Detecção geral de 5,41 casos/100.000 habitantes, sendo considerado um nível médio de endemicidade da doença, de acordo com o Ministério da Saúde, cujo parâmetro varia entre 2,00 e 9,99/100 mil hab. Na população menor de 15 anos, grupo prioritário de monitoramento, foram 12 casos com uma taxa de detecção de 1,99/100.000 habitantes menores de 15 anos.

No período de 2013 a 2018 houve uma redução de 54,2% na taxa de detecção geral, no entanto, a intensificação das ações de busca ativa de casos em áreas prioritárias, exame dermatológico em escolares podem ter contribuído para o aumento da detecção de casos em 2019, onde já foram registrados 126 novos casos da doença com taxa de detecção de 5,76/100.000 habitantes, dos quais oito casos foram em menores de 15 anos.

Nas atividades realizadas em parceria com os Distritos de Saúde e Secretarias de Educação – municipal e estadual, em 2019 foram acessadas 174 escolas do PSE, examinados 37.217 alunos e diagnosticados e tratados 2.663 tipos de dermatoses. Com essas ações, a Semsa espera evitar o surgimento de casos com incapacidade física, decorrentes do diagnóstico tardio da hanseníase.

Programação

Para o mês de janeiro, além das ações de rotina nas Unidades de Saúde, serão ofertados exame de pele e atividades educativas em ações extramuros por vários pontos da cidade:

Dia 9/1: Caminhada no bairro Jorge Teixeira, partindo às 8h da Igreja Católica Santa Clara (Av. Mirra – Jorge Teixeira) até a UBS Dr. José Avelino Pereira (Rua Cravinho);

Dia 13/1: Blitz em frente à Arena da Amazônia, iniciando às 8h30min no cruzamento das vias Av. Constantino Nery e Av. Pedro Teixeira, com distribuição de folder e ação de conscientização;

Dia 25/1: Ação em saúde, a ser realizada em quatro locais do bairro Colônia Antônio Aleixo, de 8h às 12h (Centro de Reabilitação, Policlínica Antônio Aleixo, Escola Municipal Violeta Areosa e Movimento de Reintegração das Pessoas Atingidas pela Hanseníase (MORHAN), na Rua Getúlio Vargas, com oferta de vários serviços de saúde para a comunidade. 

Dia 31/1: Caminhada iniciando na UBS Lago do Aleixo (Rua Raoul Follereau, n° 112, na Colônia Antônio Aleixo), às 8h, até sede do MORHAN, na Rua Getúlio Vargas.

— — —

Texto – Divulgação / Semsa

Foto – Lucas Silva / Semcom Arquivo

Publicações relacionadas

Mulher morre, e motorista foge após carro bater em poste na Torquato Tapajós em Manaus, diz polícia

Redação

‘Manaus nunca viu um volume de obra tão grande’, afirma prefeito Arthur Neto

Redação

Ação solidária entrega cestas básicas, kits de limpeza e máscaras para comunidades tradicionais do Amazonas

Redação

Deixe uma resposta