Amazonas Destaques Manaus

Prefeitura amplia canais de atendimento para cadastro de idosos acamados

Avançando em mais uma etapa na campanha de vacinação contra a Covid-19, a Prefeitura de Manaus ampliou os canais de atendimento aos idosos acamados, com idade a partir de 70 anos.  Além do 0800 280 8 280, que teve aumento na capacidade de resposta às chamadas, seis novos números foram colocados à disposição das famílias: 98842-1542, 98842-1449, 98842-7274, 98855-2248, 98855-2185 e 99962-4887. Os canais são operados pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) e devem ser acessados apenas pelos idosos que ainda não têm cadastro para o serviço de vacinação em domicílio ou que precisam atualizar seus dados. O atendimento é de segunda a sexta-feira, das 8h às 17 horas.

</p>

Para os idosos que já estão cadastrados, a Semsa começa, já nesta segunda-feira, 1/2, a realizar o agendamento do dia e da hora que o idoso receberá a equipe de vacinação em casa. “O idoso que já foi vacinado em casa anteriormente e que não mudou de endereço ou telefone deve aguardar o contato da secretaria”, explica a secretária municipal de Saúde, Shádia Fraxe, informando que os técnicos do Divisão de Imunizações vão organizar a vacinação domiciliar com rotas diárias até o atendimento de todos os idosos acamados das três faixas etárias contempladas nesta etapa da campanha, os de 70 a 74 anos, os 75 a 79 anos e os de 80 anos e mais.

O serviço domiciliar deve ter início na próxima quarta-feira, 3/2.

A vacinação dos idosos contra a Covid-19 em Manaus teve início na última sexta-feira, 29/1, em cinco pontos de atendimento em sistema de drive-thru e de pontos fixos, e deve seguir até o próximo dia 15. Nos primeiros quatro dias de campanha, mais de 9 mil pessoas já foram vacinadas. A imunização começou com os que têm 80 anos e mais e, desde este domingo, 31, também estão sendo vacinados os de 75 a 79 anos.

A faixa etária seguinte é a dos que têm entre 70 e 74, com prioridade para os acamados e para os portadores de Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC), Insuficiência Renal Crônica, diabetes (insulina dependente) e os que têm obesidade (IMC >40), além dos transplantados e imunossuprimidos. “Estes critérios foram definidos porque, na primeira remessa de vacinas destinada aos idosos, o município recebeu o suficiente para vacinar 100% dos idosos acima de 75 anos, mas para o grupo de 70 a 74 anos recebeu apenas 37% do necessário.

Com a chegada de novas doses, todos serão imunizados, informa Shádia Fraxe. “É importante lembrar que todos os grupos populacionais considerados prioritários no combate à Covid serão vacinados de forma gradativa, conforme as doses sejam enviadas pelo Ministério da Saúde ao município”.

Para a atual etapa da campanha de imunização, Manaus conta com 50.398 doses da vacina AstraZeneca/Oxford, que deve ser aplicada em duas doses, com intervalo entre 8 e 12 semanas.

Além dos idosos acamados, a Semsa inicia, também nesta segunda-feira, a vacinação dos idosos que residem em áreas rurais. Equipes de vacinadores irão aplicar as doses em idosos residentes  nas comunidades rurais, utilizando vias de transporte terrestres e fluviais.

— — —

Texto – Andréa Arruda/Semsa

Foto – Valdo Leão / Semcom

Disponível em – https://flic.kr/p/2kvXC4A

Publicações relacionadas

Rafael Fernandez deixa delegacia em Roraima e é transferido para Manaus

Redação

Possíveis casos de coronavírus em Manaus serão tratados no Hospital Delphina Aziz

Redação

Em um dia, fiscalização ambiental enfrenta três invasões em Manaus

Redação

Deixe uma resposta