Amazonas Destaques Manaus

Policiais militares da 8ª Cicom realizam trabalho de prevenção ao suicídio

O mês de setembro foi marcado pela campanha nacional que conscientiza sobre a prevenção ao suicídio, intitulada “Setembro Amarelo”, mas durante o ano todo, a Polícia Militar do Amazonas (PMAM) é acionada para atender situações em que pessoas tentam tirar a própria vida em espaços públicos. Além das técnicas de negociação na hora do fato, as equipes policiais também orientam para o atendimento psicossocial.

A 8ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), localizada no bairro da Compensa, zona oeste de Manaus, lida constantemente com ações preventivas, principalmente, na Ponte Rio Negro, que liga a capital ao município de Iranduba. De acordo com o comandante da 8ª Cicom, capitão Ângelo Cruz, as ocorrências chegam via 190 e os policiais que são capacitados pelo Centro de Psicologia da PMAM são encaminhados até o local para realizarem o atendimento.

“Tentamos um diálogo com o cidadão que está prestes a pular da ponte e, ao mesmo tempo, acionamos outros órgãos, como Samu (Serviço de Atendimento Médico de Urgência) e Corpo de Bombeiros. Trabalhamos da melhor forma possível para que o cidadão não cometa o ato de se jogar da ponte. Geralmente, conseguimos um resultado positivo e acionamos os familiares ou os órgãos competentes para fazer o acompanhamento desta pessoa”, disse Cruz.

Além do trabalho policial, é necessário que haja uma parceria entre a polícia e a psicologia. Segundo a psicóloga Gerusa Barros, que trabalha há um ano e meio com os policiais, a junção é essencial para intervir nas tentativas de suicídio. Ela realiza um trabalho voluntário com as equipes da 8ª Cicom.

“Observamos que tínhamos muito em comum, que é a valorização da vida. Então resolvemos trabalhar juntos e elaborarmos estratégias, para o ano todo, de ajudarmos a comunidade. A abordagem do policial é muito importante, principalmente o cuidado na hora de falar e na demonstração de empatia por essas pessoas. Trabalhamos de forma eficaz e conseguimos, muitas vezes, fazer um acompanhamento domiciliar que tem sido muito positivo”, explicou Gerusa.

Campanha de prevenção – Outro fator positivo será a implantação da “Campanha Permanente em Favor da Vida”, do Comando de Policiamento da Área Oeste (CPA Oeste). Conforme o comandante do CPA Oeste, coronel Leandro Benevides, dois policiais especializados e treinados serão responsáveis por realizarem ações sociais aproximando o policial da comunidade e realizando diversas palestras de prevenção.

A 8ª Cicom é responsável pelo patrulhamento policial e atendimento de ocorrências nos bairros Compensa I, II e III. Além dos acionamentos pelo 190, o serviço emergencial do Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops), a unidade possui um telefone para o contato direto dos moradores. É o (92) 98842-1577.

Publicações relacionadas

Deputados se mobilizam pela criação do Ministério da Amazônia

Redação

Coronel Menezes defende quebra de monopólio do Gás Natural

Redação

Frente Parlamentar Cristã realiza 1º Ato Devocional híbrido nesta quinta-feira (23)

Redação

Deixe uma resposta