Amazonas Destaques Manaus

Policiais apagam pichações feitas por facção criminosa em Manaus

Manaus – “Para sua segurança à noite, ao descer, abaixe o vidro, o farol, e acenda as luzes internas do carro’’, instruía uma pichação em uma parede no bairro Petrópolis, Zona sul de Manaus. Entretanto, policiais militares entraram em ação e se mobilizaram para apagar a mensagem no muro.

Seis oficiais da polícia militar utilizaram latas de tinta vermelha para cobrir as pichações. Através das redes sociais, o Capitão Alberto Neto parabenizou a ação. ‘’A polícia está aqui! Vagabundo pensa que manda em Manaus, mas não mandará mesmo’’, escreveu o deputado.

As pichações nas ruas de Manaus são frequentes, com nomes de facções cresceram desde fevereiro, quando a capital amazonense se tornou palco de guerra entre membros de facções criminosas rivais.1.001.00

PlayvolumeTruvid00:22Ad

Policiais apagam pichações
Policiais apagam pichações | Foto: Divulgação

Os membros das facções deixaram mensagens em vários pontos da cidade, inclusive em igrejas e escolas. A briga por território entre a Família do Norte (FDN) e o Comando Vermelho (CV), não se resume a somente pichações, deixou um rastro de sangue. O número de mortes associadas a esse tipo de ação recebeu atenção nos últimos seis meses.

Guerra de facções

Execuções, tiros à queima-roupa e tortura são ações frequentes no embate entre as duas facções. Apesar dos esforços para controlar a situação, fontes policiais civis e militares afirmaram que o CV comanda 80% dos bairros de Manaus. 

Em meio à insegurança, população teme a própria segurança abalada pela guerra de facções. No entanto, dados divulgados pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM), revelaram que Manaus teve uma queda histórica no número de homicídios dolosos.

CV picha marca em casa de Manaus
CV picha marca em casa de Manaus | Foto: Rebeca Mota

Em abril, foram registrados 35 homicídios, a menor quantidade em mais de uma década, considerando os números de janeiro de 2008 a abril de 2020. 

De acordo com a SSP, foi a terceira queda consecutiva nos dados de homicídios dolosos na capital amazonense este ano, e uma redução quase pela metade (46%) em relação a abril de 2019, quando foram registrados 65 crimes deste tipo.

No mês de março, a redução já havia sido de 17,5%, na comparação com março do ano passado. Considerando os principais crimes, houve queda em praticamente todos, como latrocínio (-33%), tentativa de homicídio (-55%), furto (-37%) e roubo (-40%). 

Pichação em igreja de Manaus
Pichação em igreja de Manaus | Foto: Rebeca Mota

Apesar da queda nos números, população permanece temerosa, e equipes policiais dobram esforços em manter queda nos números.

COMPARTILHE

Publicações relacionadas

CHINA PODE ASSUMIR A LIDERANÇA PELA BUSCA POR ETS

admin

Josué na liderança de intenções de votos entre pré-candidatos bolsonaristas para prefeitura de Manaus

admin

As principais notícias do dia, confira!

admin

Deixe um comentário