Amazonas Destaques Manaus

Polícia prende segundo envolvido na morte de capitão da PM

MANAUS – A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (Derfd), prendeu nesta quinta-feira (14/01) Hitalo Guimarães de Souza, vulgo “Maicon”, 18 anos, em cumprimento a mandado de prisão temporária. O suspeito é apontado como envolvido no latrocínio do capitão da Polícia Militar, Deivide de Souza Chaves, ocorrido na terça-feira (12/01), na zona leste de Manaus.

De acordo com a polícia, Hitalo, quando adolescente, teve passagens por roubo e tráfico de drogas.

Na quarta-feira, o primeiro envolvido no crime foi preso por policiais militares da Força Tática. Ele foi levado para a Derfd, onde prestou depoimento.

Conforme o delegado Aldeney Góes, a partir das informações prestadas pelo homem, os policiais civis, em uma ação coordenada pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM), foram ao conjunto Castanheiras, zona leste, onde prenderam Hitalo.

“José apontou o Hitalo como um dos homens que estava no carro durante o crime que vitimou o capitão. O suspeito é conhecido pela alcunha de Maicon. Nós fizemos uma acareação dos dois suspeitos e foi comprovado o envolvimento do Hitalo, mas ele nega o envolvimento”, explicou o delegado.

O suspeito foi autuado pelo crime de latrocínio, que é o roubo seguido de morte, e vai ser encaminhado para uma unidade prisional.

Ainda segundo o delegado, o autor dos disparos contra a vítima, identificado como Gabriel Coelho do Amaral, conhecido como “Macaco”, está foragido e um mandado de prisão temporária já foi expedido em nome dele.

Publicações relacionadas

Governo prorroga uso da Força Nacional na Amazônia

Redação

Guedes confirma que valor médio do auxílio emergencial será de R$ 250

Redação

GOVERNO DO AMAZONAS VAI USAR R$ 1,2 MILHÕES PARA PAGAR INDENIZAÇÕES DE FRETES DE AVIÕES

Redação

Deixe uma resposta