Amazonas Destaques Manaus

Pelo 2º dia consecutivo, Manaus bate recorde de enterros diários

Pelo segundo dia consecutivo, Manaus bateu o recorde de enterros diários, com 150 sepultamentos apenas nesta segunda-feira (11). No domingo (10), o número chegou a 144, superando o recorde de 140 enterros visto em abril do ano passado.

A capital sofre com hospitais e cemitérios lotados por conta de um novo surto da Covid-19. Nesta segunda, o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, informou que estuda priorizar vacinação na cidade para “reduzir a contaminação”.

Até esta segunda, mais de 216 mil pessoas foram infectadas no Amazonas, e mais de 5,7 mil morreram com a doença. Em Manaus, mais de 3,7 mil pessoas morreram com Covid.

Conforme a Prefeitura de Manaus, do total de 150 enterros desta segunda, 111 foram nos espaços públicos e 39 em espaços privados. Entre as causas das mortes, 57 foram declaradas como Covid-19.

O município informou, ainda, que houve o registro de 18 óbitos em domicílio e que, do total de sepultamentos nos cemitérios públicos neste dia, 20 foram atendidos pelo serviço SOS Funeral, coordenado pela prefeitura.

Lotação no sistema de saúde

Os hospitais de Manaus voltaram a lotar por conta do novo surto de Covid. Em um pronunciamento nas redes sociais, na sexta-feira (8), o governador Wilson Lima disse que, apesar da ampliação de 134% na quantidade de leitos, “o nosso sistema de saúde está muito próximo do limite de sua capacidade”.

O governo informou neste domingo que, em três dias, o Hospital de Campanha Nilton Lins deve ser reaberto apenas para atendimento a casos de Covid. O Ministério da Saúde também lançou um processo seletivo para contratar profissionais para atuação em Manaus.

Publicações relacionadas

Trocadilhos e memes compõem fantasias de foliões durante bloco em Manaus

Redação

Marcelo Ramos vira motivo de piada dos seguidores da cantora Anitta

Redação

Manaus começa a ter os primeiros sinais positivos no enfrentamento ao coronavírus

Redação

Deixe uma resposta