Amazonas Destaques Manaus

Passageiros de voos que chegam a Manaus passarão a ser monitorados

A Prefeitura e a Anvisa vão fazer coletas de amostras do tipo RT-PCR

O objetivo é identificar e isolar casos suspeitos de Covid-19

O Governo do Amazonas e a Prefeitura de Manaus começarão a monitorar passageiros que desembarcarem no Aeroporto Internacional Eduardo Gomes a partir da próxima semana. Uma equipe composta por 11 técnicos de enfermagem, quatro farmacêuticos e quatro enfermeiros, disponibilizados pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM), será dividida em turnos de 12 horas, para monitoramento e triagem de passageiros que chegam a Manaus.
A atividade prevê testagem de passageiros a partir de coletas de amostras do tipo RT-PCR, que detectam o novo coronavírus. O esquema de revezamento garante equipes presentes no aeroporto durante 24 horas.
A estratégia foi alinhada na tarde desta quinta-feira (27), em reunião com a presença da diretora-técnica da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), Tatyana Amorim; e da titular da Secretaria Municipal de Saúde de Manaus (Semsa), Shádia Fraxe; em consonância com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).
Amanhã (28) será realizado um treinamento com os técnicos de enfermagem, enfermeiros e farmacêuticos que vão atuar no aeroporto. Profissionais do Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen) ficarão responsáveis pela capacitação relacionada à coleta das amostras; enquanto técnicos da Semsa treinarão as equipes para a abordagem e notificação de casos positivos.
De acordo com dados informados pela Infraero, cerca de 1.600 passageiros desembarcam por dia no aeroporto. A meta inicial é de testar pelo menos 10% desse público, diariamente. As ações de conscientização dos passageiros devem iniciar ainda a bordo das aeronaves, sendo intensificada por meio do sistema de som do aeroporto.
Quando desembarcarem, as pessoas serão conduzidas para o saguão principal, registradas ainda na parte interna, e a coleta será feita no portão 2C, já na área externa, no térreo do aeroporto. Os resultados dos testes devem ser conhecidos em até 48 horas após a realização. Os casos suspeitos e positivos deverão ser isolados em hotéis, para quarentena e/ou tratamento.

Publicações relacionadas

Josué Neto aponta privatizações de serviços como transporte público, trânsito e outros serviços como alternativas de gestão

Redação

Prefeitura divulga resultado preliminar do Programa Bolsa Universidade 2020

Redação

Lista com valores de propina a deputados foi apreendida pela Polícia Federal

Redação