Amazonas Destaques

Parintins, no AM, entra em situação de emergência após desmoronamento de parte da orla da cidade

Parintins, no AM, entra em situação de emergência após erosão na orla da cidade — Foto: Yuri Pinheiro/Prefeiura de Parintins
Parintins, no AM, entra em situação de emergência após erosão na orla da cidade — Foto: Yuri Pinheiro/Prefeiura de Parintins

Parintins, no AM, entra em situação de emergência após erosão na orla da cidade — Foto: Yuri Pinheiro/Prefeiura de Parintins

Parintins, a 369 km de distância de Manaus, entrou em situação de emergência em razão de desbarrancamento na orla do município. De acordo com o decreto, publicado nesta terça-feira (14), a situação coloca em risco a vida da população na localidade.

A erosão afeta as áreas do Porto de Parintins até o Matadouro municipal; trecho do Comunas Bar até o início da Rua Senador Álvaro Maia; trecho da Escadaria da Praça São Benedito até a Cidade Garantido), e em consequência o trincamento dos muros de contenção existentes na parte frontal da orla de Parintins, no trecho entre a Rua Caetano Prestes até a Rua Senador Álvaro Maia.

Parintins, no AM, entra em situação de emergência após erosão na orla da cidade — Foto: Yuri Pinheiro/Prefeitura de Parintins
Parintins, no AM, entra em situação de emergência após erosão na orla da cidade — Foto: Yuri Pinheiro/Prefeitura de Parintins

Parintins, no AM, entra em situação de emergência após erosão na orla da cidade — Foto: Yuri Pinheiro/Prefeitura de Parintins

A Prefeitura da cidade informou que está trabalhando na busca de recursos para a construção de muro de contenção nos trechos onde não existe a estrutura e que realiza a revitalização de um trecho do muro de arrimo localizado na rua Caetano Prestes, Centro, na área que compreende a Praça do Comunas, que havia desmoronado há alguns anos. A previsão de término dos trabalhos, segundo a Prefeitura, é de 90 dias.

A situação de emergência deve vigorar pelo prazo de 90. A situação de anormalidade pode ser prorrogada até completar o máximo de 180.

Publicações relacionadas

PREFEITURA DE PRESIDENTE FIGUEIREDO PAGA R$ 7 MILHÕES PARA EMPRESA NÃO FAZER NADA. MINISTERIO PÚBLICO JÁ ESTÁ NA COLA

Redação

Romero Reis recupera-se do Covid e planeja retorno às atividades políticas

Redação

Amarrada, adolescente é resgatada após ser sequestrada em Manaus

Redação

Deixe uma resposta