Amazonas Destaques Manaus

*OLHA A MARMOTA* Depois da loja de vinhos, lavanderia vai fornecer avental cirúrgico para Governo Wilson Lima

✅ Contrato é R$ 10 milhões para fornecer 1.2 milhão de aventais cirúrgicos descartáveis

Depois de comprar R$ 2,9 milhões em respiradores mecânicos de uma empresa que no endereço funciona uma loja de vinhos, e contratar uma empresa de telefonia para fornecer alimentos para a maternidade Nazira Daou, agora o Governo Wilson Lima declarou vencedora de uma dispensa de licitação uma lavanderia industrial (Lave Clean) para fornecer R$ 10 milhões em aventais descartáveis cirúrgicos. Não é só o Governo dos fantasmas e os personagens perigosos citados pelo vice-governador Carlos Almeida Filho, mas também dos fornecedores esquisitos e suspeitos.

✅ Governo tenta amenizar demissão

O governador Wilson Lima tentou amenizar o impacto da demissão de Carlos Almeida da Casa Civil. A Secom divulgou texto dizendo que o vice-governador, antes o todo poderoso do Governo, agora “vai se dedicar a projetos estruturantes”. E nas suas redes sociais, Wilson Lima escreveu: “Quero reconhecer publicamente o valor e contribuição que ele tem dado ao Governo e assim continuará… Ele continuará nos emprestando sua experiência para os avanços de políticas públicas para melhorar a vida do povo desse Estado”.

✅ Carlos deixa o barco à deriva

O fato é que Carlos Almeida pulou do barco que abriga, segundo ele, personagens perigosos e fantasmas, e do qual não tem mais as mãos no timão como até início de abril era público e notório. Para uns, esse foi mais um movimento do vice-governador para se descolar de Wilson Lima. O primeiro foi à contratação do vice-presidente nacional da OAB, Luiz Viana para defendê-lo, num possível processo de impeachment. Para outros, tendo interesses contrariados pelos “fantasmas e personagens perigosos”, Carlos Almeida decidiu deixar todo o comando do Governo para o inexperiente Wilson Lima e não chancelar as novas decisões governamentais.

✅ Josué Neto pede honestidade

O presidente da Aleam, Josué Neto, também se posicionou via Twitter sobre a saída de Carlos Almeida da Casa Civil: “Que a pessoa que venha ocupar a Casa Civil seja para o bem do povo. Respeitando a constituição, com elevado espírito público e honesto. O povo do Amazonas tem sofrido muito e morrido pela ausência destes três sentimentos: respeito, honestidade e espírito público”, postou.

✅ TJAM julga impeachment

Está marcada para esta terça-feira (19/5) o julgamento pelo plenário do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) da Adin que questiona a constitucionalidade do processo de impeachment do governador e do vice acolhido pelo presidente da Aleam. A decisão é aguardada com ansiedade por todos.

✅ Ministério Público

Depois da manifestação do Conselho Nacional de Justiça, a respeito de reclamações sobre a falta de ação do Ministério Público do Estado, em relação a denúncias envolvendo o governo estadual, há expectativa de que processos tenham algum andamento. O mesmo se espera sobre processo envolvendo a Prefeitura de Coari, que há meses não se tem nenhuma informação.

✅ Arthur pede atenção

O prefeito Arthur Neto (PSDB) avalia que Manaus caminha para dias melhores em relação ao Covid-19, embora diga ser preciso manter os cuidados. Ele manifesta agora maior preocupação com o interior. Colocou-se à disposição do governo para ajudar em ações que venha a ser realizadas.

✅ CPI da Saúde

A vice-presidente da Assembleia Legislativa, deputada Alessandra Campêlo (MDB) ingressou com mandado de segurança pedindo liminar para suspender a CPI da Saúde, instalada em 14 de maio para investir denúncias de irregularidades na Secretaria de Saúde, desde 2011. A deputada acusa o presidente Josué Neto de atropelar o regimento na escolha dos integrantes da comissão

Publicações relacionadas

Governo revoga normas trabalhistas e apresenta eSocial simplificado

Redação

Comissão do Impeachment notifica governador Wilson Lima e o vice Carlos Almeida

Redação

Mãe que esperava trigêmeas descobre quarta filha ‘surpresa’ na hora do parto em maternidade de Manaus

Redação

Deixe uma resposta