Amazonas Destaques Manaus

O Brasil no reflexo de Manaus: A triste realidade da pandemia

Neurocientista e professor catedrático da Duke University Medical School, Miguel Nicolelis, declarou  em entrevista ao jornalista Marcelo de Moraes, do Estadão, que o   estrago que novo Coronavírus tem provocado em Manaus é um alerta para o resto do Brasil. “A velocidade do colapso de Manaus dessa vez foi mais rápida […] Manaus, infelizmente, porque é muito duro falar isso, está dizendo para nós: ‘Olha, eu sou você amanhã’ para o resto do Brasil”, alertou.    

Previsão   Nicodelis é defensor ferrenho do lockdown e chamou o que vem acontecendo em Manaus de “caso impressionante”.  “Se Manaus já tinha colapsado uma vez e se agora tivemos um novo colapso, veja, esse colapso é pior porque ele não é só hospitalar, ele pode se transformar, em menos de dois meses, num colapso funerário, que é a pior consequência de uma pandemia”, alertou.    

Lei… Enquanto isso, o presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas , Josué Neto (Patriota) se orgulha da Lei nº 5.372, apresentada por ele e que mantém academias abertas mesmo diante de um lockdown. Segundo release enviado pela assessoria de imprensa do parlamentar, o projeto de lei foi baseado em uma pesquisa realizada pela Universidade Estadual Paulista, que “revela que o hormônio irisina, liberado pelos músculos durante a atividade física, bloqueia o transporte do novo coronavírus pra dentro das células”. 

…sancionada  A Lei que garante o funcionamento das academias no Amazonas foi aprovada, por unanimidade, no Parlamento Estadual no último dia 15 de dezembro e entrou em vigor esta semana. Josué defendeu “que as academias possuem um rígido protocolo de prevenção da Covid-19 e que a hospitalização de pacientes que possuem uma rotina de exercícios físicos é menor”.

Cemitérios… O vereador e vice-presidente da Câmara Municipal de Manaus, Wallace Oliveira (Pros) vai propor ao prefeito David Almeida (Avante) que regularize a construção de sepulturas verticais nos cemitérios da capital amazonense. O objetivo, segundo ele, é contribuir com uma solução rápida e eficaz para o problema de falta de espaço nos cemitérios, agravado pelo aumento no número de mortes por Covid-19.

…verticais   “A pandemia tem preocupado os governantes, pois provoca superlotação nos hospitais e aumento de óbitos, que estão levando nossa cidade ao colapso. Temos de unir forças e ajudar o prefeito a resolver estas questões o mais rápido possível”, declarou  o vereador.

Exportações  As exportações no Estado do Amazonas, no mês de novembro de 2020, alcançaram as cifras de US$ 79,42 milhões. É o que apontam os dados da última Balança Comercial do Amazonas referente ao mês de Novembro de 2020, elaborada pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação (Sedecti).

Destino  A Venezuela foi o principal destino das exportações do Amazonas em novembro, garantido a marca de 16,72% do volume total exportado, tendo o item: “outros açúcares de cana” como o principal produto a ser exportado para aquele país. O produto que mais foi exportado em novembro aparece como: “outras preparações alimentícias”, alcançando o volume de US$ 18,49 milhões.

Foto: Michael Dantas/AFP

Publicações relacionadas

Ministros do STJ avaliam aplicar rigor da lei contra Wilson Lima, diz Revista Veja

Redação

Na fase laranja, Amazonas ultrapassa 339 mil casos de Covid-19

Redação

Júnior Nunes é o novo subsecretário municipal de administração na gestão de David Almeida

Redação

Deixe uma resposta