Sem categoria

Novo presidente da Câmara Municipal de Manaus terá mais de 90% de votos

Supremo Tribunal Federal vai julgar deputado Silas Câmara só em 2021

Arthur Neto pisa do acelerador para entregar pelo menos 30 obras até o final do ano

Abono do Fundeb para professores do Amazonas vai de R$ 4 a R$ 12 mil

Comissão vai fortalecer ações de combate ao suicídio no Amazonas

O novo presidente da Câmara Municipal de Manaus, será mesmo o vereador David Reis (Avante) que poderá ser eleito com mais de 95% dos votos, segundo contou ao Portal Único, um dos vereadores reeleitos que pediu para não ser identificado. Segundo ele, até esta quarta-feira (16) David tem 37 dos 41 votos possíveis.

Julgamento de Silas Câmara

O Supremo Tribunal Federal só vai retornar o julgamento do deputado federal Silas Câmara (Republicanos) em 2021. Os ministros Luís Roberto Barroso e Edson Fachin votaram pela condenação do deputado por peculato. Silas é pastor e homem forte da Assembleia de Deus. É o coordenador da Frente Parlamentar Evangélica na Câmara e é acusado pelo Ministério Público Federal, de exigir a devolução de salário de ao menos 17 assessores parlamentares e de usar servidores, pagos pela Câmara, para serviços particulares.

Prática da rachadinha

Conforme a denúncia, a prática conhecida como “rachadinha” era executada por um secretário do gabinete de Silas. Segundo a Procuradoria Geral da República, o deputado usava parte ou totalidade dos vencimentos de assessores para pagar contas próprias e funcionários que trabalhavam na residência dele, no período de janeiro de 2000 a dezembro de 2001. O julgamento foi suspenso atendendo encaminhamento do ministro Kassio Nunes Marques. Vai voltar em 2021.

Os negócios por baixo da mesa

O caso Silas Câmara se tornou visível em função de denúncias consistentes e de uma apuração criteriosa da Procuradoria Geral da República, mas a realidade é que situações desse tipo são bem mais frequentes e ocorrem em diversas instâncias do poder.

Arthur entregará obras até dia 31

Até o dia 31 de dezembro, o prefeito Arthur Neto entregará pelo menos 30 obras, entre as quais, três clínicas da família, um Centro Integrado de Educação, cinco escolas, velódromo e o skate park, além do Terminal de Passageiros na avenida Constantino Nery, Estação de Passageiros Arena e oito plataformas de embarque de passageiros, entre outros.

Abono da educação

O governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC) confirmou, que o valor do pagamento do abono do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) para 26,7 mil servidores da Educação, vai de R$ 4 mil a R$ 12 mil. Pela primeira vez, os servidores técnicos e administrativos serão contemplados com o abono, que também será pago a professores e pedagogos.

Codam vai analisar 40 projetos

O Conselho de Desenvolvimento do Estado do Amazonas (Codam) se reúne, pela última vez em 2020, na quinta-feira (17) às 10h, para deliberar sobre pauta que relaciona 40 projetos industriais com investimentos estimados em R$ 2,65 bilhões e 1.806 empregos, ao longo dos próximos três anos.

Trasmissão pelo Youtube

A reunião será realizada no auditório da Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (Fieam), de modo presencial somente para os conselheiros e com transmissão pelo canal da Sedecti no Youtube (Sedecti Amazonas) para os interessados.

Mondial abre 130 vagas

Um dos destaques da pauta é a proposta de diversificação da linha de eletrodoméstico da Mondial no Polo Industrial de Manaus, que deve abrir cerca de 130 vagas no mercado de trabalho com recursos de aproximadamente R$ 159 milhões, no segundo semestre de 2021.

Transire investe R$ 1,4 bi

O grupo Transire apresentou ao Codam projeto com o maior volume de investimentos: R$ 1,420 bilhão, o equivalente a 54% do valor total da pauta a ser apreciada. Em seguida vem o projeto da Foxconn Eletrônicos, com recursos de R$ 237 milhões para a produção de unidades digitais de processamento, e da Adargh Indústria de Embalagens, que pretende fabricar tampas de alumínio com investimentos de R$ 221 milhões. O grupo SMART submete aos conselheiros projeto no valor de R$ 177 milhões e 142 postos de trabalho.

Combate ao suicídio

A Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas criou a Frente Parlamentar de Combate à Depressão, ao Suicídio e à Automutilação, aprovando o Projeto de Resolução Legislativa, de autoria do deputado estadual João Luiz (Republicanos). Entre as finalidades da Frente estão o acompanhamento, a análise e a representação de proposições e ações relacionadas ao combate ao suicídio e automutilação e a promoção de debates, seminários e outros eventos pertinentes ao tema.

Publicações relacionadas

Morte de parintinense atribuída ao Covid-19 foi de câncer, noticiário fala em Coronavírus e família se revolta

Redação

Provas do Enem são suspensas no Amazonas, após pedido de vereador

Redação

Bolsonaro deverá apoiar EUA contra o Irã

Redação

Deixe uma resposta