Amazonas Destaques Manaus

Nova paralisação afeta usuários do transporte público na manhã desta terça-feira

Manaus – Pelo segundo dia consecutivo, os usuários do transporte público de Manaus foram surpreendidos com a paralisação de 30% da frota de ônibus. Desta vez, a paralisação é um alerta para o cumprimento do pagamento da segunda parcela do 13º salário nesta quarta-feira (21).

De acordo com o presidente exercício do sindicato, Josenildo Mossoró, a paralisação foi uma maneira de pressionar as empresas a realizarem os pagamentos (Foto: Divulgação)

O Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários de Manaus, informou que a paralisação respeitou a decisão judicial, paralisando apenas 30% da frota, durante as 5h às 6h30. Somente funcionários da empresas Vegas, Açaí e Expresso Coroado aderiram a paralisação.

De acordo com o presidente exercício do sindicato, Josenildo Mossoró, a paralisação foi uma maneira de pressionar as empresas a realizarem os pagamentos.

“Todo fim de ano é isso. Nós trabalhamos e merecemos receber. Não estamos em greve, foi somente uma paralisação. Todas as empresas cumpriram ontem (21) o pagamento do adiantamento, a paralisação foi apenas um alerta para que também seja feito o pagamento amanhã (23)”, disse.

Nota Prefeitura

Na manhã de ontem (21) a Prefeitura de Manaus disse em nota que tem mantido o diálogo com ambas as categorias, patronal e de trabalhadores, a fim de intermediar um acordo entre as partes, uma vez que se trata de uma questão trabalhista.

O órgão municipal reforçou ainda que mantém um subsídio ao sistema, pago mensalmente em duas parcelas, inclusive com uma sendo paga na manhã desta segunda-feira, 21. Neste momento, o transporte coletivo de Manaus circula normalmente, sem qualquer alteração.

Publicações relacionadas

Governos saberão se pessoas desobedecem quarentena em tempo real

Redação

ONG que pediu cassação de Josué já recebeu mais de R$ 200 mil do governo do Estado

Redação

Fiscalização de trânsito é intensificada durante feriado de finados, diz Detran-AM

Redação

Deixe uma resposta