Amazonas Destaques Manaus

Médico dopa e faz aborto em adolescente, em Tonantins

Um médico cirurgião, que ainda não teve a identidade revelada, foi exonerado de suas funções no município de Tonantins (distante 863 quilômetros de Manaus) após dopar e fazer o aborto em uma adolescente de 17 anos com quem mantinha um relacionamento.

De acordo com informações passadas pela polícia do município, o médico, que é casado, suspeitou que a adolescente pudesse estar grávida e a levou para a casa dele, onde fez um exame de ultrassonografia e confirmou a gestação. Após o exame, ele dopou a menina e, com as mãos, manipulou o útero da adolescente, causando um forte sangramento.

Publicações relacionadas

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Redação

Campanha #ManausSolidária recebe doação de álcool 70% para combate ao novo coronavírus

Redação

País precisa ser informado sem pânico, diz Bolsonaro

Redação

Deixe uma resposta