Destaques Internacional Mundo

McDonald’s encerra atividades na Rússia em retaliação à invasão da Ucrânia

Kiev – Devido à invasão da Rússia na Ucrânia, o grupo americano de fast-food McDonald’s encerrou suas atividades e fechou cerca de 800 restaurantes no país. A empresa venderá todas as suas operações. “Estamos comprometidos com nossa comunidade mundial e devemos permanecer inflexíveis em nossos valores”, afirmou o CEO do grupo, Chris Kempczinski, em comunicado da empresa.

O restaurante estava na Rússia há mais de 30 anos e mais de 62 mil funcionários. A empresa estava com as atividades suspensas no país desde o dia 8 de março, seguindo outras empresas que efetuaram sanções ao Kremilin. O país representa 9% do faturamento total da empresa e 3% de seu lucro operacional.

A empresa afirmou que pagará os funcionários e disse que está orgulhosa dos 60 mil trabalhadores empregados na Rússia. o CEO da rede disse que a decisão foi ‘extremamente difícil’.

“No entanto, temos um compromisso com nossa comunidade global e devemos permanecer firmes em nossos valores. E nosso compromisso com nossos valores significa que não podemos mais manter os ‘Arcos’ brilhando lá”, disse ele.

Publicações relacionadas

Amazonino anuncia viagem a Manaus para cuidar de sua campanha

Redação

PL de Roberto Cidade que proíbe troca de medidores de energia elétrica sem comunicação prévia ao consumidor é aprovado na ALEAM

Redação

Ryan Gosling é “Ken” em novo filme “Barbie”

Redação

Deixe um comentário