Destaques Internacional

Maduro pede que Biden supere “demonização” contra Venezuela

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, comentou sobre a posse do presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, nesta quarta-feira (20) durante o Prêmio Nacional de Cultura. O mandatário venezuelano comentou sobre a posse do estadunidense e voltou a pregar uma aproximação entre os países.

“Me chamou a atenção que o presidente Joe Biden falou sobre a ‘demonização’ que fizeram a eles [Democratas]. Eles pediram para superarmos a demonização que os supremacistas e a extrema direita fizeram das forças políticas lideradas por Biden, então pensei ‘podemos fazer o mesmo’. Peço ao governo dos EUA para superar a demonização que fizeram da revolução bolivariana”, disse Maduro.

A declaração sobre “demonização” foi dada por Biden durante seu discurso da vitória, em novembro. “Que esta era sombria de demonização nos EUA comece a acabar aqui e agora. Prometo ser um presidente que irá unir e não dividir. Que não verá estados vermelhos nem azuis, mas os Estados Unidos”, disse na ocasião.

Nesta quarta, o presidente venezuelano pediu para “virar essa página de tanta mentira, tanta manipulação, tanto ódio contra a Venezuela depois de quatro anos de crueldade trumpista”.

“Queremos melhorar nosso relacionamento com os Estados Unidos, mas com base no respeito e no reconhecimento mútuo”, completou. O mandatário defendeu uma “retificação profunda” na relação entre os países.

Fonte: Fórum

Publicações relacionadas

Suspeito de invadir casa, estuprar, roubar e tentar matar vizinha é preso em Manaus

Redação

Governo abrirá mais 2 mil vagas para a PRF, diz Bolsonaro

Redação

Wilson Lima entrega viaturas e equipamentos aos Bombeiros, em cerimônia pelos 21 anos de emancipação da corporação

Redação

Deixe uma resposta