Amazonas Manaus Polícial

Justiça decide que Maiara e Maraisa não podem usar a marca ‘As patroas’

As cantoras Maiara e Maraísa e o escritório WorkShow, que também cuidava de Marília Mendonça, estão impedidos pela Justiça de usar a marca ‘A Patroa’, seja no singular ou plural.

Isso porque, a cantora baiana Daisy Soares conseguiu junto ao Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) o registro de ‘A Patroa’ em 2017, sendo a legítima titular da marca.

Diante disto, a justiça determinou que qualquer utilização da marca, seja em publicidades, eventos, por meio físico ou virtual, ocorrerá em multa de R$ 100 mil por utilização.

Publicações relacionadas

Garota de programa é suspeita de assassinar homem na zona Leste

Redação

Bolsonaro edita medidas para combate ao covid-19

Redação

Fiocruz e Seduc realizam evento de divulgação da 11ª Olimpíada Brasileira de Saúde e Meio Ambiente nas escolas da rede estadual

Redação

Deixe um comentário