Amazonas Destaques Manaus

Jovem que atropelou pedestres em Manaus desligou veículo em movimento e direção travou

MANAUS – Policiais civis prenderam José Eduardo de Moura Barbosa, 22, por crime de homicídio culposo – quando não há intenção de matar – em acidente de trânsito. O delegado Marcos de Arruda disse que José Barbosa é autor do atropelamento de pedestres em parada de ônibus em Manaus na manhã dessa quinta-feira, 13. Oito pessoas ficaram feridas e uma mulher de 56 morreu no hospital.

Marcos de Arruda disse que Barbosa dirigia em alta velocidade quando percebeu pane mecânica no carro. O jovem desligou o veículo, procedimento que travou a direção e freios automaticamente. Ele perdeu o controle do Gol prata e atingiu as pessoas na calçada. José Barbosa não tem habilitação.

O delegado disse que o jovem desmaiou e quando acordou percebeu que havia pessoas machucadas. Ele ligou para o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e pediu atendimento. Barbosa estava indo para o trabalho.

Ainda há uma pessoa internada em estado grave, e as outras três tiveram alta no começo da manhã desta sexta-feira. O indivíduo passou por atendimento médico, bem como, pelo teste de bafômetro, que teve resultado negativo.

O jovem foi autuado pelos crimes do código de trânsito de homicídio culposo, lesão corporal culposa e por conduzir veículo sem a devida permissão.

Publicações relacionadas

Mais de 156 mil pessoas foram curadas de Covid-19 no mundo

Redação

Adolescente morre e quatro são baleados após criminosos atirarem contra homem em rua de Manaus

Redação

Moradores da Aparecida recebem ação da operação Cheia 2020

Redação

Deixe uma resposta