Amazonas Destaques Manaus

Josué busca auxílio do FNDE para orientar SEDUC de como investir 62 milhões na educação

O presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputado Josué Neto (PRTB) esteve, nesta quinta-feira, em Brasília, em reunião com a Diretora de Gestão de Fundos e Benefícios do FNDE, Renata D’Aguiar, buscando informações para auxiliar a Secretaria de Educação do Amazonas (Seduc) a investir R$ 62 milhões em recursos, já liberados, para incentivo à educação de tempo integral no Estado.

De acordo com Renata D’Aguiar, o recurso é do Programa EMTI – Programa de Fomento às Escolas de Ensino Médio em Tempo Integral – e o Amazonas é um dos Estados a possuir o maior volume de verba não utilizada. Ela explicou que cabe a Seduc indicar onde vai investir os recursos e colocou o FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação) à disposição para auxiliar a secretaria.

“O saldo que se encontra na Seduc é um valor considerável, que precisa ser utilizado. Essa união é muito importante para que possamos dar andamento, ajudar o Amazonas. Vai ser importante a gente ter esse entendimento de qual é a dificuldade”, disse D’Aguiar.

Segundo Josué, os recursos já estão sob gestão da Seduc e podem ser utilizados para incentivar e fomentar o ensino de tempo integral, ampliar o número de escolas (construção, reforma e manutenção), transporte escolar, qualificação de professores, entre outras despesas de custeio e capital.

“São recursos necessários que já deveriam estar sendo utilizados principalmente em um período de crise como este. Existem muitas crianças ribeirinhas que moram em comunidades que não tem escolas e para chegar até outra comunidade ela precisa de um transporte de uma lancha, porque nossas estradas são nossos rios. São recursos significantes e necessários demais pra ficar parados”, afirmou o parlamentar.

FNDE

O FNDE é o órgão vinculado ao Ministério da Educação responsável pela execução da maioria das ações e programas da Educação Básica. Na última quarta-feira (7) o Conselho Deliberativo do FNDE, aprovou uma série de resoluções normativas que visam facilitar o envio de recursos, transparência e prestação de contas dos repasses feitos pela autarquia.

Publicações relacionadas

Escola municipal cria projeto ‘Padrinhos da Matemática’ para auxiliar alunos venezuelanos

Redação

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Redação

Investimentos na geração de emprego e renda foram prioridades nas gestões de Alfredo

Redação

Deixe uma resposta