Amazonas Destaques Manaus

Idoso entrega celular, mas acaba morto durante assalto em parada de ônibus, em Manaus

Vítima estava em parada de ônibus na rua Nova Mutum, bairro Colônia Antônio Aleixo, quando foi esfaqueada — Foto: Patrick Marques/G1 AM
Vítima estava em parada de ônibus na rua Nova Mutum, bairro Colônia Antônio Aleixo, quando foi esfaqueada — Foto: Patrick Marques/G1 AM

Vítima estava em parada de ônibus na rua Nova Mutum, bairro Colônia Antônio Aleixo, quando foi esfaqueada — Foto: Patrick Marques/G1 AM

Um idoso de 62 anos morreu após ser esfaqueado em um assalto na rua Nova Mutum, bairro Colônia Antônio Aleixo, Zona Leste de Manaus, na sexta-feira (14). Segundo a polícia, ele estava em uma parada de ônibus e foi abordado por um homem não identificado. Ele entregou o celular para o suspeito e foi esfaqueado. A vítima ainda foi socorrida para um hospital, mas não resistiu.

Segundo a Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), o idoso, que era bombeiro hidráulico, estava em uma parada de ônibus, por volta de 14h30. Um homem não identificado se aproximou dele e anunciou assalto.

Ainda de acordo com a polícia, testemunhas disseram que o bombeiro hidráulico foi esfaqueado no pescoço pelo suspeito, que fugiu com o celular da vítima. O idoso ainda foi socorrido para o Hospital e Pronto-Socorro Chapot Prevost, mas não resistiu e morreu.

O suspeito de ter cometido o crime fugiu do local sem ser identificado. O corpo do bombeiro hidráulico foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML). O caso é investigado pela DEHS.

Publicações relacionadas

Amazonas realiza simulado para atendimento de caso suspeito do Covid-19

Redação

Aleam suspende reuniões coletivas e anuncia medidas de prevenção ao coronavírus

Redação

Manaus é destaque em investimento com recurso próprio

Redação

Deixe uma resposta