Amazonas Destaques Manaus

Hotel Tropical é comprado pela Fametro por R$ 91 milhões

O valor inicial do Hotel era de R$ 182 milhões, mas, sem compradores interessados, a empresa leiloeira executou a segunda etapa que reduzia o preço em 50%, ou seja, R$ 91 milhões

O Grupo Fametro arrematou nesta quarta-feira (11) os espólios do Tropical Hotel de Manaus, que fechou as portas em maio de 2019, mergulhado em dívidas trabalhistas e de fornecedores. O leilão do Tropical Hotel foi determinado pela Justiça do Rio de Janeiro e executado pela Rymer Leilões, que acabou vendendo o imóvel pela metade do preço inicial.
A direção do Grupo Fametro publicou em suas redes sociais tratar-se de uma “novidade histórica”. “O Tropical Hotel agora é Fametro! Além de voltar a ser um instrumento de fomento para o turismo no Amazonas, será também um lugar de prática para o ensino de nossos alunos.”
Em novembro de 2019, a Fametro comprou também a estrutura e o terreno que abrigam a Santa Casa de Misericórdia, no Centro Histórico de Manaus por R$ 9 milhões.
Inaugurado nos anos 70, o Hotel Tropical fazia parte do grupo Varig, que, na época, era a principal empresa aérea do Brasil. Os 611 apartamentos viviam lotados de celebridades que pousavam na Amazônia. Quando a Varig decretou falência, derrubou também o Hotel, que acabou com a energia cortada em maio deste ano e com dívidas que ultrapassam R$ 21 milhões.

Publicações relacionadas

Caixa deposita saque emergencial do FGTS para nascidos em fevereiro

Redação

Gestora de escola municipal é uma das vencedoras do ‘Educador Nota 10’

Redação

Mais de 2.400 atendimentos foram realizados no Implurb por home office, com agendamento e e-mails

Redação

Deixe uma resposta