Amazonas Destaques Manaus

Hospital de Manaus encerra internações de pacientes com Covid-19 e libera 40 leitos de UTI

MANAUS – O Hospital 28 de Agosto, na zona centro-sul de Manaus, encerrou as internações de pacientes com Covid-19 e liberou 40 leitos de UTI. Segundo Alessandra Santos, diretora da unidade de saúde, pessoas acometidas pela doença atendidas no hospital serão encaminhadas ao Delphina Aziz e Nilton Lins, exclusivos no tratamento da endemia.

A diretora do 28 de Agosto explica que no pico da pandemia, a unidade funcionou como apoio aos dois hospitais de referência, mas com a redução de casos graves do novo coronavírus pôde voltar a atender apenas os pacientes de outras doenças.

“Nós ficamos nos meses de abril e maio com taxa de ocupação em torno de 100%. E quando foi agora nas primeiras semanas de junho a queda foi bem grande. Então, começamos ver a possibilidade de mandar [os pacientes] para os hospitais de referência para Covid, no caso, Delphina Aziz e Nilton Lins, já que nós aqui ficamos apenas dando suporte para eles”, disse.

alessandra santos diretora 28 de agosto
Alessandra Santos diz que em abril e maio, taxa de ocupação na UTI foi em torno de 100% (Foto: Murilo Rodrigues/ATUAL)

De acordo com Alessandra Santos, vítimas da Covid-19 internadas nos hospitais João Lúcio e Platão Araújo também já começaram a ser transferidas.

A diretora afirma que se for preciso, o quinto andar do 28 de Agosto ainda conta com leitos de UTI por precaução. “Se nós precisarmos liberar os leitos, temos o quinto andar. O quinto andar não desmontamos, continuam os leitos de UTI, enfermaria de UTI. Caso seja necessário, estão lá de stand by”, diz.

O médico intensivista Wilson Filho diz estar feliz com o esvaziamento da UTI. “Hoje (quarta-feira) a gente está com um sentimento de alegria, satisfação, porque conseguimos ajudar de uma maneira ou de outra as pessoas que passaram pela pandemia. Conseguimos esvaziar a UTI desses doentes. Quer dizer, a incidência e a prevalência diminuíram, graças a Deus, os doentes estão agora tomando outro caminho”, comemora.

Wilson Filho alerta para que a população mantenha as medidas preventivas para que os leitos não sejam preenchidos novamente. “Eu penso que essa possibilidade existe, mas a nossa população tem que continuar com os cuidados. Lavando a mão, usando máscara, evitando aglomerações, que a gente acredita que se continuarmos com os devidos cuidados esse novo surto a possibilidade é pequena”, orienta.

equipe UTI 28 de agosto

Fonte: Amazonas Atual

Publicações relacionadas

Mais de mil turistas a bordo do navio M/s Magellan são recebidos pela prefeitura

Redação

Arthur diz que Bolsonaro errou ao deixar Moro sair mas manifesta-se contra o impeachment

Redação

Prefeitura convoca 181 profissionais de enfermagem, que estavam em cadastro reserva

Redação

Deixe uma resposta