Amazonas Destaques Manaus

Governador Wilson Lima só espera a definição da lista tríplice do TJAM para nomear a mais votada na eleição do Ministério Público

Muitos candidatos se preparam para disputar uma vaga na Câmara Federal. Vai ser uma briga de foice!

Amazonas recebeu mais 44 mil e 900 doses de vacina contra a Covid-19

Empresas do Polo Industrial de Manaus sentem efeitos da paralisação de montadoras no sul e sudeste

Deputado estadual propõe palestra nas escolas para informar sobre fake news

80% dos estudantes da Ufam não quiseram saber da eleição que elegeu o reitor

O presidente do Tribunal de Justiça do Amazonas, desembargador Domingos Jorge Chalub, marcou para o próximo dia 30 a escolha da lista tríplice dos promotores que serão indicados ao governador Wilson Lima para assumir o cargo de desembargador. A escolha do TJAM será com base na lista sêxtupla definida ontem (25) em votação pelo Ministério Público em que a mais votada foi a procuradora Vânia Marques com 107 votos. Wilson Lima já confidenciou a amigos que só está esperando a lista do TJAM para nomear Vânia Marques como a nova desembargadora. Vânia é irmã do ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Mauro Campbell, e considerada séria e competente no Judiciário. Vânia vai assumir a vaga deixada com a aposentadoria do desembargador Djalma Martins.

A casa das Sete Mulheres

Confirmada a nomeação de Vânia Marques pelo governador Wilson Lima, ela será a sétima mulher a atuar como desembargadora no TJAM. Atualmente estão como desembargadora Socorro Guedes, Graça Figueiredo, Carla Reis (atual vice-presidente), Nélia Caminha (corregedora-geral), Joana Meireles, juíza Onilza Gerth (convocada para substituir Encarnação Sampaio, afastada pelo STJ), e juíza Mirza Thelma convocada para substituir interinamente a vaga aberta com a morte de Aristóteles Thury.

Força de Campbell

A expressiva votação de Vânia Marques na eleição foi atribuída também ao prestígio e influência que o ministro Mauro Campbell tem hoje no Judiciário amazonense. Em 2017, Mauro Campbell apoiou Hamilton Saraiva dos Santos, que mesmo ficando em segundo lugar na lista sêxtupla do MPE, atrás de Fábio Monteiro, acabou sendo nomeado pelo então governador José Melo após ser o mais votado na lista tríplice do pleno do TJAM.

Vaga no Tribunal Regional Eleitoral

Na mesma sessão do dia 30, o pleno do TJAM vai escolher o desembargador que vai ocupar a vaga de Thury no TRE. Concorrem à vaga os desembargadores Elci Simões e Wellington Araújo. Elci Simões é o favorito.

Disputa acirrada para Federal

Uma das brigas mais acirradas em 2022 será a eleição para deputado federal. Além de seis dos oito atuais deputados que vão tentar a reeleição, querem uma vaga na Câmara Federal Marcelo Serafim, Saullo Vianna, Amom Mandel, Adail Filho, Fausto Júnior, Alfredo Nascimento, Pauderney Avelino e alguns pastores que ainda vão ser indicados pelas congregações.

Ampliação do Corpo de Bombeiros

O governador Wilson Lima (PSC) assinou ontem decreto que possibilita a ampliação em mais de 80% o atual efetivo do Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas. Wilson Lima deve anunciar em breve concurso e a expansão de postos dos bombeiros em municípios do interior.

Mais doses de vacinas

O Amazonas recebeu na madrugada de hoje (26) mais 44.900 doses de vacina contra a COVID que chegaram em voo da Latam. Essa é a 10ª. remessa enviada pelo Programa Nacional de Imunização (PNI). Com essas novas doses, o Amazonas chega a 1.075.729 doses das vacinas AstraZeneca/Oxford e Coronavac/Butantã. Até a manhã de hoje, o Amazonas tinha aplicado 524.469 doses, sendo que 405.700 tomaram a primeira dose e 118.769 já receberam as duas doses da vacina.

Efeito dominó

A paralisação temporária das montadoras de veículos do sul e sudeste do Brasil em função da Covid-19 está afetando algumas indústrias da Zona Franca de Manaus, que são fornecedoras de componentes para o setor. A Visteon, por exemplo, que fabrica rádios e paineis de instrumentos, vai dar férias coletivas para parte de seus funcionários. O Centro das Indústrias do Amazonas (Cieam) confirma o impacto.

Lista tríplice da Ufam

A comunidade universitária da Universidade Federal do Amazonas (Ufam) reelegeu o professor Sylvio Puga para a reitoria, na noite da quinta-feira (25), com 50,64% dos votos de professores, técnicos administrativos e alunos. O nome de Puga ainda vai ser submetido ao Conselho Universitário no dia 8 de abril, que formará uma lista tríplice para enviar à Presidência da República. Tradicionalmente, o conselho ratifica a escolha da comunidade universitária, mas qualquer professor doutor pode se inscrever para integrar a lista. Caberá a Bolsonaro a escolha final.

Alunos distantes

Interessante notar o distanciamento dos acadêmicos do processo eletivo. Entre 32.517 alunos aptos a votar, apenas 6.500 participaram do pleito, ou seja, 80% de abstenção. Entre os professores, 73% do eleitorado de 2.286 votou e entre os 2.474 técnicos administrativos o índice de participação foi de 56%.

Publicações relacionadas

Instituto Butantan pretende desenvolver anticorpos contra covid-19

Redação

Delegado é condenado a 30 anos de prisão em regime fechado após três dias de julgamento, em Manaus

Redação

Avenida Rodrigo Otávio terá trânsito monitorado durante visita de Bolsonaro

Redação

Deixe uma resposta