Cotidiano Destaques Mundo

Google cancela evento do Android 11 e adia lançamento de versão beta

Google adiou o evento que aconteceria nesta quarta-feira, 3, e também o lançamento da versão beta pública do Android 11. Sem divulgar uma nova data ou o principal motivo, o perfil Android Developers no Twitter cita que “agora não é hora de comemorar”.

“Estamos entusiasmados para contar mais sobre o Android 11, mas agora não é hora de comemorar”, afirma o comunicado. A companhia diz que voltará “com mais informações sobre o Android 11 em breve”. Atualmente, a nova versão do sistema tem sido distribuída como prévia para desenvolvedores.

A data do evento havia sido divulgada no início de maio. Apesar do adiamento sem muitas explicações, a decisão pode ter relação com os protestos por causa da morte de George Floyd, em Minnesota, na última segunda-feira (25).

Floyd foi detido por policiais, algemado, e um dos agentes é visto em vídeos pressionando o pescoço dele com o joelho. Sem conseguir respirar, o homem perdeu os sentidos, foi levado para uma ambulância e declarado morto posteriormente. O caso gerou protestos em pelo menos 140 dos Estados Unidos e levantou o ato #BlackLivesMatters (#VidasNegrasImportam) ao redor do mundo.

Nos comentários da publicação do Google sobre o adiamento do evento e do sistema, usuários se dividem. Entre um “política não tem nada a ver com o Android” e outro “já tinha até colocado no meu calendário”, usuários também demonstraram respeito pela decisão.

O momento político-social no país tem se intensificado por causa da violência policial contra negros. Considerando a instabilidade atual com o sentimento de frear a violência nas ruas, a decisão do Google revela um caráter de priorização à humanidade.

Quando será o lançamento?

O Google havia cancelado o evento Google I/O no início de março por conta do novo coronavírus (Sars-Cov-2). Até o momento, a empresa não se pronunciou com uma nova data para realizar o evento online e lançar o beta público do Android 11.

Entre as novidades, o Android 11 trará a possibilidade de fazer gravações de vídeos da tela nativamente; dá mais controle ao usuário sobre sua privacidade; regula permissões de aplicativos e mais.

FONTE:tecmundo

Publicações relacionadas

Mulher é presa suspeita de agredir motorista de app durante corrida, xingar e acusar policiais de roubo em Manaus

Redação

Bolsonaro envia PL ao Congresso que abre crédito para estatais

Redação

Paciente que testou positivo para coronavírus no Amazonas está recuperada, diz governo

Redação

Deixe uma resposta