Amazonas Destaques Manaus

Exército está proibido de questionar preferência política nos quartéis


(Foto: Marcello Casal Jr./ABr)

Manaus – O Tribunal Regional Federal da 1ª Região proibiu o Exército Brasileiro de perguntar em seus cadastros informações que possam levar a práticas discriminatórias contra recrutas. O Exército não poderá mais perguntar aos candidatos a respeito da participação deles em movimentos religiosos, sociais e políticos. A discussão é que superiores em Goiás, praticavam tortura contra subordinados que simpatizavam com  movimentos sociais e políticos.

Suspeitas

O deputado estadual Wilker Barreto (Podemos) apresentou requerimento por meio da Comissão de Saúde e Previdência, na forma de requerimento à Secretaria de Estado de Saúde (Susam), solicitando cópia dos processos de aquisições de respiradores pulmonares em trâmite na secretaria.

Auxílio

Tramita na ALE-AM projeto que solicita ao Estado  que atualize cadastros para identificar quem está apto a receber o auxílio de R$ 200 do Estado, destinado a famílias em situação de vulnerabilidade social.

Publicações relacionadas

Revelado os nomes dos ministros “Carmem Miranda e Lulu Boca de Veludo” citado por Roberto Jefferson

Redação

Presidente Roberto Cidade anuncia membros da CPI da Amazonas Energia

Redação

700 novos casos de câncer de colo de útero serão registrados no Amazonas, prevê Inca

Redação

Deixe uma resposta