Amazonas Destaques Manaus

Estado aluga avião por R$ 4,3 milhões

Manaus – O governo Wilson Lima, por meio da Casa Militar do Estado, vai pagar R$ 4,3 milhões para alugar aeronave da empresa Rico Taxi Aéreo para atender o gabinete do governador. A homologação do contrato foi publicado no último dia 1º no Diário Oficial do Estado (DOE).

A informação foi um dos destaques, nesta segunda-feira (8), na estreia do programa ‘AMAZONAS DIÁRIO’, do GRUPO DIÁRIO DE COMUNICAÇÃO (GDC), transmitido pela RECORD NEWS MANAUS, Canal 27.1, na TV Aberta, e canal 78, na NET, às 18h.

O aluguel é referente a locação de aeronave EMB 120 ou Brasília Turbo Bimotor ou similar, com capacidade para 30 pessoas e três tripulantes, com combustível e piloto, para transporte estadual e interestadual pelo período de um ano que corresponde a 360 horas de voo ao total.

O aluguel é referente a locação de aeronave EMB 120 ou Brasília Turbo Bimotor ou similar, com capacidade para 30 pessoas e três tripulantes (Foto: Reprodução/TV Record)

De acordo com justificativa do Projeto Básico da licitação, o aluguel da aeronave visa “suprir o atendimento com a logística de transporte necessária para atender a demanda da estrutura organizacional do Gabinete do Governador, com vistas a facilitar as atividades desenvolvidas, agilizando o transporte do Governador do Estado, Vice-Governador, outros dignitários e servidores”, consta no documento.

Ainda segundo o Projeto Básico, a aeronave será utilizada conforme as necessidades da Secretaria de Estado da Casa Militar. “Os serviços serão utilizados em todo o Território Nacional e eventuais deslocamento internacionais, visando atender as necessidades da Casa Militar, sendo que a aeronave deverá ser disponibilizada no hangar do Governo do Estado do Amazonas no Aeroporto Internacional Eduardo Gomes”.

A relação do governo do Amazonas com a empresa Rico Taxi Aéreo já foi objeto de reportagem em âmbito nacional veiculada pelo Jornal da Record, em 12 de maio, quando o jornal denunciou que, em apenas dois anos de mandato, o governador Wilson Lima (PSC) já gastou R$ 7 milhões do dinheiro público por serviços de empresa de táxi aéreo, sendo que a maioria dos contratos foi assinado sem licitação. Segundo a reportagem, entre janeiro e fevereiro deste ano, um jato de luxo foi alugado duas vezes por R$ 700 mil.

O jornal mostrou, em seguida, vídeo com imagem de uma aeronave que, segundo a matéria, pertence a empresa Rico Taxi Aéreo. “A empresa recebeu quase R$ 7 milhões entre alugueis de aviões sem licitação e despesa feitas por administrações anteriores em 2018. A companhia fretou aeronave para campanha eleitoral de Wilson Lima e, um dia depois de assumir o comando do Estado do Amazonas, o governador ordenou o primeiro pagamento no valor de R$ 1 milhão por serviços prestado em 2017”, afirmou a reportagem na Record News.

Publicações relacionadas

Prefeito David Almeida abre ano legislativo com leitura da Mensagem Governamental

Redação

Governador Wilson Lima exonera presidente da Aadesam, Bráulio Lima

Redação

Arthur Virgílio critica medidas para ‘furar’ teto de gastos da União

Redação

Deixe uma resposta