Amazonas Destaques Manaus

Em Manaus, médicos já tem que escolher quem morre e quem vive

O colapso do sistema de saúde com a explosão do número de pacientes com sintomas graves de Covid-19 e a falta de leitos de ITI, está obrigando médicos de Manaus a tomarem a difícil decisão quais doentes devem ter prioridade no atendimento e, consequentemente, quem vive e quem morre. É isso que acontece quando o número de pessoas necessitadas de terapia intensiva é maior que o de vagas disponíveis. Essa situação foi exposta em reportagem do Fantástico deste domingo.

Ranking da Forbes

A revista Forbes coloca Manaus entre as 4 mais afetadas da América Latina pelo coronavírus. Diz que há hospitais superlotados e enterros de vítimas em valas comuns e, em Manaus, a emergência afeta os vivos e os mortos. As cidades são  Guayaquil, no Equador, Manaus, no Brasil, Iquitos no Peru e Tijuana, no México, são as cidades citadas na América Latina.

Protesto do 28 de Agosto

A ameaça de suspender o atendimento no hospital 28 de Agosto não se concretizou. Mas houve protesto pela falta de EPIs na unidade.  Mais de 100 funcionários do Hospital realizam na manhã desta segunda-feira (27), um protesto em frente a unidade de saúde devido a falta de equipamentos hospitalares.

Ambulâncias sem destino

 A reportagem mostrou ainda o colapso no Samu, em que ambulâncias ficam até quatro horas com pacientes em estado grave à espera de vagas nos hospitais, e do sistema funerário, quando famílias são obrigadas a enterrar elas mesmas seus entes queridos por falta de coveiros e médicos tendo que apontar a causa mortis dentro de carros funerários. E as autoridades alertam que o pior ainda não chegou.

Caos na mídia nacional

Além do Fantástico, o caos sanitário no Amazonas foi destaque em uma reportagem especial de 50 minutos na rede CNN Brasil. O quadro em Manaus é dantesco e chama atenção de todo o mundo. Até mesmo o Papa Francisco está preocupado e expôs isso em telefonema ao arcebispo de Manaus dom Leonardo Steiner. O sumo pontífice perguntou sobre a situação da capital amazonense e manifestou preocupação com os povos indígenas, tradicionais e pobres.

Fala como prefeito

O governador Wilson Lima, que é um craque na TV, não foi bem na entrevista ao Fantástico. Em certo momento, ele falou em tom de reclamação de que além dos pacientes de Manaus tem que atender ainda os doentes que vem do interior. Um discurso de prefeito da capital e não de governador.

Arthur pede Socorro às forças armadas

O prefeito Arthur Neto conversou com o novo secretário executivo do Ministério da Saúde, general Pazuello. ”. Apresentei a ele todas as nossas necessidades para enfrentar o Covid-19. Equipamentos e medicamentos. Os sepultamentos aumentaram em quase 300%. Os dados devem ser claros e transparentes, mas as ruas continuam cheias de pessoas. É necessário ficar em casa”, disse Arthur.

Falta praticamente tudo

A pandemia de coronavírus comprometeu os estoques das drogarias e praticamente zerou a oferta de Cloroquina, Azitromicina, Tamiflu, vitamina D, termômetros, máscaras e luvas cirúrgicas. Nos hospitais faltam leitos clínicos e de UTI, profissionais de saúde, EPIs, medicamentos, respiradores, oxigênio, testes para covid-19 e vacinas para crianças foram suspensas. Mas sobra gente nas ruas.

Missão Covid

Um projeto sem fins lucrativos tem sido a esperança de muita gente que busca atendimento médicos com sintomas de coronavírus é a plataforma Missão Convid, que busca entregar assistência à população que precisa de atendimento médico através da telemedicina. A Missão Covid surgiu para atender pacientes por meio de videoconferências. A ideia é prestar o primeiro socorro aos suspeitos. O site é https://missaocovid.com.br

Mário Vianna com coronavírus

O presidente do Sindicato dos Médicos do Amazonas, Mário Vianna, testou positivo para o coronavírus e teve que ser internado domingo (26)de noite. Segundo amigos, a situação de Mario Vianna exige muitos cuidados. Além dele, a esposa contraiu o novo coronavírus. Mario Vianna é autor de um dos pedidos de impeachment contra o governador Wilson Lima e o vice Carlos Almeida que está sendo apreciado na Assembleia.

Publicações relacionadas

Prefeito Arthur Neto é homenageado durante o 18º Congresso Nacional de Previdência

Redação

Wilson Lima (PSC) acaba de anunciar a retomada do comércio a partir do dia 1º. de junho

Redação

“Se ele defendesse nosso estado com o mesmo vigor que defendia sua propina, nosso estado estaria infinitamente melhor”, disse um fã para o Senador Omar Aziz, nas redes sociais, veja

Redação

Deixe uma resposta