Amazonas Destaques Polícial

Dez municípios do AM já solicitaram apoio da Força Federal durante eleições deste ano

O Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) aprovou o pedido de dez municípios do interior do estado para o uso da Força Federal durante as Eleições 2020. As zonas eleitorais alegam receio de perturbação dos trabalhos eleitorais, insuficiência das forças estaduais, e peculiaridades políticas locais.

As requisições, publicadas no Diário de Justiça Eletrônico de quinta-feira (10), serão encaminhadas para aprovação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O auxílio é assegurado pela Lei nº 4.737, de 15 de Julho de 1965, do Código Eleitoral. As eleições municipais deste ano foram adiadas para os dias 15 e 29 de novembro por conta da pandemia.

Segundo o Diário de Justiça, “compete, privativamente, ao Tribunal Superior requisitar a Força Federal necessária ao cumprimento da lei, de suas próprias decisões, ou das decisões dos Tribunais Regionais que o solicitarem, e para garantir a votação e a apuração”.

Municípios do Amazonas solicitam apoio da Força Nacional

MunicípioZona eleitoral
Itacoatiara
Manicoré16ª
Humaitá17ª
Barcelos18ª
Benjamin Constant20ª
Amaturá e São Paulo de Olivença22ª
Guajará e Ipixuna45ª
Santo Antônio do Iça47ª

Na sexta-feira (11), uma reunião entre o presidente do TRE, desembargador Aristóteles Thury, e o governador do Amazonas, Wilson LIma, discutiu um planejamento operacional das forças de segurança do Estado. Também foi tratado a elaboração de um protocolo de segurança sanitária, no qual a participação dos órgãos do Estado, com o intuito de garantir segurança sanitária durante a votação.

No primeiro turno da Eleição Municipal de 2016, o TSE autorizou o envio de Força Federal para 467 localidades de 14 estados. O Amazonas ficou em quinto lugar, com 34 municípios que receberam apoio, atrás dos estados de Piauí (141), Rio Grande do Norte (87), Pará (70) e Maranhão (52).

Nas eleições de 2018, 30 zonas eleitorais do Amazonas receberam a segurança das tropas federais, sendo 25 municípios, além da capital.

As eleições municipais em 2020 serão realizadas em 15 de novembro, por conta da pandemia do novo coronavírus. O segundo turno está marcado para 29 de novembro. Os eleitores vão votar para prefeito, vice-prefeito e vereadores.

Os procedimentos administrativos relativos à requisição de Força Federal começam com o envio de ofício pelo TSE à Presidência da República solicitando autorização para o emprego das Forças Armadas. Em caso de autorização, iniciam-se os entendimentos entre o Ministério da Defesa e o TSE.

O TSE pode também recusar o pedido por entender que não há a devida justificativa para o seu atendimento. Ou também pode recusar na hipótese de garantia da segurança apenas com o emprego das forças policiais locais.

Publicações relacionadas

Eleição para prefeito de Manaus agita bastidores políticos

Redação

Governo Bolsonaro pretende lançar Plano Nacional de Mineração até agosto

Redação

Lato Sensu multado em mais de meio milhão acusado de abuso no material escolar

Redação

Deixe uma resposta