Amazonas Destaques Manaus

Deputado Dermilson diz que Wilson Lima assume culpa ao não exonerar aliados presos pela Polícia Federal

Nesta quinta-feira (02) deputado Dermilson Chagas (Podemos) criticou o governador Wilson Lima por ainda não ter exonerado os seus aliados que foram presos pela Polícia Federal na “Operação Sangria”, que deflagrou um esquema de corrupção e desvio de dinheiro público na compra de respiradores hospitalares.

Dermilson disse que o governador está segurando o seu pessoal por medo ou por interesses próprios. “Imagino que ele esteja seguro com o seu staff porque até agora não exonerou a secretária da Susam, Simone Papaiz nem o João Paulo que é o secretário-adjunto de saúde, ambos que estão presos com outros que fazem parte do grupo do Wilson”, disse.

O deputado considera que se Wilson Lima não fosse considerado suspeito pela própria Polícia Federal de envolvimento na operação deflagrada, ele teria exonerado e nomeado outras pessoas. “Mas a relação dele é bem próxima com os seus aliados, principalmente nos erros. Acredito que é por isso que ele não mandou embora e nem vai. Portanto, é dessa forma que vejo, um governo totalmente comprometido com os erros e com o rabo preso”, afirmou

Publicações relacionadas

Justiça mantém interdição de cervejaria onde vigilância encontrou 1,8 tonelada de malte com fezes de rato

Redação

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Redação

Vice Presidente Hamilton Mourão pode ser candidato ao Senado pelo Amazonas em 2022

Redação

Deixe uma resposta