Esportes

Corinthians empata com o América-MG e perde a liderança do Brasileirão

SÃO PAULO – Apoiado por mais de 33 mil torcedores na Neo Química Arena, o Corinthians enfrentou neste domingo (29) o América-MG, teve um de seus piores desempenhos nesta edição do Campeonato Brasileiro e ficou no empate em 1 a 1 com o clube mineiro após gols de Aloísio e Gustavo Mosquito. Com o tropeço, o time alvinegro perdeu a liderança da Série A para o rival Palmeiras, que mais cedo bateu o Santos na Vila Belmiro.

Não foi uma noite inspirada dos comandados de Vítor Pereira. A equipe foi dominada pelo América-MG durante os primeiros 70 minutos da partida e apenas não foi derrotada graças ao trabalho do goleiro Cássio. Na etapa final, em um lance de escanteio, o elenco alvinegro conseguiu o empate em um raro lance de perigo ao longo do confronto em Itaquera.

Com o resultado, o Corinthians chegou aos 15 pontos no Campeonato Brasileiro e caiu para a segunda colocação, atrás do Palmeiras -que possui a mesma pontuação, porém leva a melhor no saldo de gols. O América-MG somou seu 11º ponto na competição nacional e permaneceu no meio da tabela, dentro da zona de classificação para a Copa Sul-Americana.

Depois de três partidas seguidas no banco de reservas em um período marcado pelo desentendimento com o técnico Vítor Pereira nos bastidores do CT Joaquim Grava, o atacante Róger Guedes voltou a ser escalado como titular do Corinthians. O camisa 9 ficou postado no lado direito, enquanto Willian ocupava o lado esquerdo.

Embora o mandante fosse o Corinthians, coube ao América-MG dominar as ações ofensivas da partida. O técnico Vagner Mancini montou uma equipe compacta no meio de campo e apostando nas triangulações pela linha de fundo para chegar ao gol defendido por Cássio. O time mineiro teve uma bola na trave em chute de Lucas Kal no primeiro tempo e, por muito pouco, Aloísio não abre o placar com uma bicicleta de dentro da área no meio de Gil e Raul Gustavo.

O atacante do América-MG estava em noite inspirada, pelo menos nos lances plásticos. Depois de ficar no quase em uma finalização de bicicleta, Aloísio apareceu nas costas da defesa do Corinthians, saiu cara a cara com Cássio, deu um ‘chapéu’ no goleiro e mandou a bola para o fundo da rede. O lance, no entanto, foi anulado por posição irregular.

Responsável pelos raros momentos de protagonismo do Corinthians na partida, o meia-atacante Willian sofreu um rodízio de faltas dos defensores do América-MG e, depois de uma entrada mais forte, pediu o atendimento médico. O camisa 10 bem que tentou ficar em campo, mas não aguentou as dores e saiu do gramado mancando para a entrada de Adson.

Preocupado com o rendimento do Corinthians, o técnico Vítor Pereira promoveu outras duas mudanças na volta do intervalo em uma tentativa de fazer com o que a equipe agredisse mais o adversário e igualasse as ações da partida. O volante Maycon entrou na vaga de Roni, e Júnior Moraes deu lugar a Gustavo Mosquito.

Melhor na partida desde o primeiro tempo, o América-MG foi coroado pela sua insistência em abrir o placar na Neo Química Arena. Após parar em Cássio em duas boas chances de gol na etapa final, o time mineiro conseguiu balançar a rede com Aloísio aparecendo nas costas da zaga do time alvinegro após desvio de Alê na primeira trave em cobrança de escanteio.

O Corinthians não vinha jogando bem, mas na base da vontade conseguiu buscar o empate na Neo Química Arena. Em cobrança de escanteio de Maycon, Róger Guedes cabeceou no chão, nos pés do goleiro Jailson e a bola sobrou na pequena área para Gustavo Mosquito encher o pé e estufar a rede do América-MG.

O Corinthians volta a campo no próximo sábado (4) para enfrentar o Atlético-GO, em Goiânia, pela nona rodada do Campeonato Brasileiro. O América-MG joga no mesmo dia contra o Cuiabá, em Belo Horizonte.

CORINTHIANS
Cássio; Rafael Ramos, Gil, Raul Gustavo e Fábio Santos (Lucas Piton); Du Queiroz, Roni (Maycon) e Renato Augusto (Giuliano); Róger Guedes, Willian (Adson) e Júnior Moraes (Gustavo Mosquito). T.: Vítor Pereira.

AMÉRICA-MG
Jailson; Patric, Iago Maidana (Gustavo Marques), Luan Patrick e Marlon; Lucas Kal, Juninho (Zé Ricardo), Alê e Gustavinho (Pedrinho); Felipe Azevedo (Rodriguinho) e Aloísio (Henrique Almeida). T.: Vagner Mancini.

Estádio: Neo Química Arena, em São Paulo (BRA)
Árbitro: Anderson Daronco (Fifa/RS)
Assistentes: Rafael da Silva Alves (Fifa/RS) e Michael Stanislau (RS)
VAR: Pablo Ramón Gonçalves Pinheiro (RN)
Cartões amarelos: Maycon e Gil (COR); Gustavinho (AME)
Gols: Aloísio (COR), aos 21′, e Gustavo Mosquito (AME), aos 36’/2ºT.

Publicações relacionadas

Campinense x Manaus: Como assistir ao jogo do Brasileirão Série C?

Redação

Jorge Jesus diz que aceitaria convite para treinar seleção brasileira

Redação

Ingresso mais barato para jogo do Vasco da Gama em Manaus custa R$ 80

Redação

Deixe um comentário