Amazonas Destaques Manaus

Assembleia Legislativa do Amazonas terá primeira Sessão virtual na terça-feira (24)

A Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) se prepara para realizar a primeira Sessão totalmente virtual da sua história na terça-feira (24). A medida, segundo o presidente da Casa, Josué Neto, visa dar condições do Parlamento debater e aprovar projetos importantes que podem auxiliar as ações de combate ao coronavírus nesse período de isolamento social.

O Parlamento amazonense está com todas as atividades presenciais suspensas desde a última quarta-feira (18), por meio do Ato da Mesa Diretora n◦ 008, para evitar a propagação do Covid-19.

De acordo com o presidente da Casa, deputado Josué Neto, tudo está sendo feito para dar continuidade aos trabalhos do Poder Legislativo em meio à pandemia mundial. “Estamos somando esforços para que a Assembleia Legislativa possa receber e analisar as matérias oriundas do Executivo Estadual que podem ser essenciais nesse momento em que são necessárias medidas mais severas de combate ao COVID-19”, disse Josué Neto.

O diretor-geral da Aleam, Wander Mota, explica que a Sessão iniciará às 9h, horário regimental do Parlamento, e que todos os parlamentares terão acesso a Sessão virtual.

Os 24 deputados poderão participar de qualquer dispositivo, sejam eles desktops, notebooks, tablets ou mesmo smartphones.

Ao Vivo nas mídias digitais

Pioneira na transmissão Ao Vivo das Sessões e atividades no plenário Ruy Araújo, por meio das mídias digitais, a Assembleia Legislativa do Amazonas manterá a metodologia durante a Sessão remota. A iniciativa visa dar acesso à população ao que é discutido e decidido entre os 24 parlamentares, especialmente no momento em que o isolamento social é necessário.

Urgência

Projetos de Lei (PL´s) voltados para salvaguardar a população nesse período deverão estar na pauta de votação das Sessões remotas. Entre as iniciativas que deverão ser apreciadas estão as que propõem a isenção do Imposto sobre Circulação de Mercadoria e Prestação de Serviços (ICMS), para a aquisição de artigos de uso essencial como máscaras, álcool gel e luvas, e a que proíbe cortes dos serviços e energia e água. Projetos de autoria dos deputados Josué Neto e João Luiz (Republicanos).

Também existe a expectativa da apreciação de um pacote de medidas do Governo.

Publicações relacionadas

Base Arpão sai de Manaus com destino ao município de Coari

Redação

Sem filas de espera na capital, oferta de mamografia na rede pública do Amazonas cresceu 10% em 2019

Redação

Virou bagunça: Foram registrados saques, incêndios e depredação de lojas, tudo isso em protesto pelo racismo nos EUA

Redação

Deixe uma resposta