Amazonas Destaques Manaus

Arthur Virgílio: ‘Levei a Amazônia a ser pauta nacional nas prévias do PSDB’

Manaus – O ex-prefeito de Manaus Arthur Virgílio Neto afirmou nesta terça-feira (30), em entrevista do GRUPO DIÁRIO DE COMUNICAÇÃO (GDC) que participou das prévias do PSDB para divulgar as pautas de interesse na Amazônia.

“Eu não joguei para ter votos, eu joguei para que a minhas pautas sejam adotadas pelo País. Estou organizando uma ação, como teve aquela em defesa do ‘Petróleo é nosso’, estou preparando uma ação em defesa da Amazônia. A Amazônia é a esperança de todos os brasileiros”, disse Arthur.

(Foto: Karla Vieira / Assessoria AVN)

Virgílio revelou que viajou com o governador de São Paulo, João Doria, vencedor das prévias do PSDB e o aconselhou. “Disse para ele falar com quem entende de Amazônia, com pesquisadores que conhecem a região.

Precisamos de investimentos em ciência, a gente acaba com a fome e a miséria, do Rio Grande do Sul até o Acre, usando a Amazônia como fonte de riquezas, com a biodiversidade”, frisou.

Arthur Virgílio ainda criticou o uso político do Auxílio Estadual pelo governador Wilson Lima. “Quem usa miséria para se dar bem, vai direto pro inferno”, afirmou.

Ao analisar o cenário eleitoral nacional na disputa à presidência, Arthur disse que Lula está no segundo turno. “Bolsonaro está caindo muito e eu, se fosse candidato, pensaria em superar o Bolsonaro para poder me classificar ao segundo turno, que é outra eleição, outra história”, frisou.

Para o ex-prefeito, Doria tem que ser mais acessível ao povo. “Ele é muito simpático, mas, não sei o que acontece que o povo fica distante dele. Ele é um grande governador. Se as pessoas analisassem estritamente a administração, votaria nele”, disse.

Questionado sobre a votação do Congresso que aprovou o ‘Orçamento Secreto’, Arthur se mostrou indignado com a medida. “Isto é uma coisa nojenta. Primeiro que não estão levando a sério, querem não seja secreto só a partir de 2022, ou seja, cometeu o crime antes, está anistiado antecipadamente. Eu não posso concordar com uma coisa dessa, se eu estivesse lá o ‘pau iria comer’”, afirmou.

Sobre a aproximação de Geraldo Alckmin e Lula, Arthur criticou o ex-governador de São Paulo. “O Alckmin está saindo do partido, ele jurou que nunca sairia do PSDB, ele é o sétimo filiado na fundação do partido. Do ponto de vista eleitoral, vejo uma única vantagem ao Lula: ele traz bons votos do interior de São Paulo. Mas foram adversários, e eu não vejo uma coisa muito legal, parece casamento de ‘jacaré com cobra d’água’”.

Fonte: D24am. Leia mais em https://d24am.com/politica/arthur-virgilio-levei-a-amazonia-a-ser-pauta-nacional-nas-previas-do-psdb/

Publicações relacionadas

País precisa ser informado sem pânico, diz Bolsonaro

Redação

Com a participação de professores da rede municipal, ‘Scratch Day’ será transmitido pelo YouTube

Redação

Grupo sequestra caminhoneiro e rouba 15 mil litros de diesel em Manaus

Redação