Amazonas Destaques Manaus

Arthur Neto fala do perverso e opressivo Muro de Berlim e faz uma homenagem aos que amam a democracia, ouça e veja

queda do Muro de Berlim foi um dos acontecimentos mais marcantes do final do século XX e aconteceu na virada de 9 para 10 de novembro de 1989. A queda desse muro foi um dos capítulos que marcou a decadência do bloco socialista que existia no leste europeu e deu início a um processo político que culminou na reunificação da Alemanha, em 1990.

Em sua rede social o ex-prefeito de Manaus e pretenso candidato a presidência da República, Arthur Neto, fez uma singela homenagem aos 60 anos da queda, vejahttps://googleads.g.doubleclick.net/pagead/ads?client=ca-pub-9508374237408663&output=html&h=345&adk=1096425954&adf=3812248817&pi=t.aa~a.2977477690~i.5~rp.4&w=414&lmt=1629023824&num_ads=1&rafmt=1&armr=3&sem=mc&pwprc=3432251426&tp=site_kit&psa=1&ad_type=text_image&format=414×345&url=https%3A%2F%2Fchumbogrossomanaus.com.br%2Fnoticias-do-amazonas%2Farthur-neto-fala-do-perverso-e-opressivo-muro-de-berlim-e-faz-uma-homenagem-aos-que-amam-a-democracia-ouca-e-veja%2F&flash=0&fwr=1&pra=3&rh=312&rw=374&rpe=1&resp_fmts=3&sfro=1&wgl=1&fa=27&dt=1629027100697&bpp=6&bdt=1721&idt=-M&shv=r20210809&mjsv=m202108100101&ptt=9&saldr=aa&abxe=1&cookie=ID%3D1620437336cb2ea9-22492ae8e0b3009b%3AT%3D1628785602%3ART%3D1628785602%3AS%3DALNI_MbTkCo3X9_Q65bjLRf60HiNSHUjrQ&prev_fmts=0x0&nras=2&correlator=602219561967&frm=20&pv=1&ga_vid=1922175105.1628785602&ga_sid=1629027100&ga_hid=1347086823&ga_fc=0&u_tz=-180&u_his=1&u_java=0&u_h=896&u_w=414&u_ah=896&u_aw=414&u_cd=32&u_nplug=0&u_nmime=0&adx=0&ady=1217&biw=414&bih=719&scr_x=0&scr_y=0&eid=182982000%2C182982200%2C20211866%2C44748552%2C31062297&oid=3&pvsid=2052877773495493&pem=837&eae=0&fc=1408&brdim=0%2C0%2C0%2C0%2C414%2C0%2C414%2C896%2C414%2C719&vis=1&rsz=%7C%7Cs%7C&abl=NS&fu=128&bc=31&ifi=2&uci=a!2&btvi=1&fsb=1&xpc=GLevXHQiIO&p=https%3A//chumbogrossomanaus.com.br&dtd=22

“Há 60 anos foi erguido o perverso e opressivo Muro de Berlim, que separou os alemães. O lado Ocidental prosperou, enquanto o Oriental viveu situação de miséria. O muro foi escuridão e a luz veio com sua derrubada, em 1989. A reunificação transformou a Alemanha na potência econômica e política que hoje é. Em homenagem aos que amam a democracia e a liberdade, ofereço uma música nesse breve depoimento.”, disse Arthur.

Publicações relacionadas

Prefeito David Almeida abre a operação ‘Cheia 2021’

Redação

Josué é homenageado por contribuições à Justiça do Amazonas

Redação

Comissão Especial da Assembleia define: Dez dias para aprovação ou arquivamento do impeachment do governador Wilson Lima

Redação

Deixe uma resposta