Amazonas Destaques Manaus

Arthur conversa com lideranças e filiados no Rio de Janeiro, Porto Alegre e Florianópolis

Em Porto Alegre, ele teve encontro com Eduardo Leite, que também disputa as prévias partidárias do PSDB

Estou feliz com o resultado desses encontros e com o debate”, disse o ex-prefeito de Manaus

Após o primeiro debate pelas prévias do PSDB, o candidato Arthur Virgílio Neto (PSDB-AM) prosseguiu em sua agenda pelo Brasil com encontros no Rio de Janeiro, ainda na terça-feira (19), Porto Alegre e Florianópolis, nesta quarta-feira (20).

“Quando dialogo com meus companheiros que fazem política, eu procuro ver primeiro aquilo que me aproxima das pessoas e o que nos aproxima é o amor pelo PSDB, o amor pelo país e ver o nosso partido, de novo, à altura do legado que ele deixou para o Brasil”, avaliou Virgílio. “As prévias são uma grande iniciativa do presidente Bruno Araújo e elas dão vida ao partido”, disse.

Logo pela manhã, assim que chegou a Porto Alegre, Arthur Virgílio fez questão de visitar o ex-governador do Rio Grande do Sul e ex-senador Pedro Simon, de quem é muito amigo, para lhe dar um abraço. Depois teve encontro-almoço com o governador e também candidato às prévias, Eduardo Leite, finalizando a agenda na cidade com entrevista coletiva e encontro com militantes e lideranças do partido.

Arthur Virgílio foi recebido no Palácio do Piratini, histórico para a democracia brasileira por ter sido palco da resistência contra o golpe que tentou impedir a posse de João Goulart, após a renúncia de Jânio Quadros, na chamada Campanha da Legalidade, liderada por Leonel Brizola. Leite fez um tour no palácio e, especialmente, nos porões onde foi implantada a resistência, agora totalmente reformada na gestão do atual governador. Leite destacou o espírito democrático das prévias partidárias.

“Acima de tudo somos do PSDB e acreditamos na democracia como necessária para que o país encontre o seu caminho. E acima de peessedebistas somos brasileiros e estamos preocupados em ajudar para que o Brasil volte à sensatez, ao equilíbrio. Dá para fazer o exercício da divergência com respeito”, afirmou Leite. “Estar ao lado do Arthur disputando as prévias já é uma grande honra. Ele é um ser humano de grandes qualidades e um político reconhecido que merece todo o nosso respeito”, completou o governador do Rio Grande do Sul.

“É uma honra muito grande para mim vir aqui conversar com o Eduardo Leite, uma pessoa que está fazendo uma trajetória política meteórica, mas sensata e segura. As prévias são feitas para unir, o que não quer dizer que não se tenha divergências. É com divergências que a gente consegue chegar às posições mais inteligentes”, disse Arthur Virgílio, que convidou o governador gaúcho para visitar Manaus, ainda no processo de campanha das prévias.

Depois do encontro com o governador, Virgílio se reuniu com a militância tucana para falar de suas propostas e preocupações com o futuro do Brasil e da Amazônia. Ele foi recebido pelo presidente do PSDB-RS, deputado federal Lucas Redeker.

“Vim ao RS trazer uma mensagem: O PSDB é o partido onde estão meus amigos e as pessoas que admiro, talvez os melhores do Brasil. Ele tem um grande legado, mas está pequeno e devemos resgatar isso. Outros recados que trago: precisamos dar um choque de democracia e de liberdade no país. É preciso dar um basta ao racismo e a preconceitos e não podemos ter uma política que subestime as mulheres”, defendeu.

Arthur Virgílio voltou a falar sobre a proteção da Amazônia e de seu uso sustentável de potencial trilionário. “Temos que cuidar das florestas, dos rios, dos indígenas. Chega de desmatamentos e garimpos ilegais. O Brasil precisa da Amazônia, não o contrário”, reafirmou.

No final da tarde, Virgílio seguiu para Florianópolis e, na quinta-feira (21), estará em Curitiba e Campo Grande.

Rio de Janeiro

No Rio de Janeiro, Arthur Virgílio foi recebido por lideranças do partido que elogiaram sua participação no debate e sua caminhada pelas prévias do PSDB. O deputado Otávio Leite, presidente do PSDB-RJ, destacou que o processo de prévias tem como pano de fundo a revitalização do PSDB. “E a presença do Arthur Virgílio coloca para cima o debate, pela sua história, pela sua categoria. Ele é versado em múltiplas situações e múltiplos temas. Eu me orgulho muito de fazer parte de um partido que tem um homem da estatura de Arthur Virgílio”, disse.

Otávio Leite lembrou que, em seu primeiro mandato como deputado federal, teve a oportunidade de ver a atuação de Arthur Virgílio quando travou dura batalha para derrubar a CPMF (Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira). “Ele perseverou, de maneira heróica, para que o país não tivesse a CPMF assaltando o bolso das pessoas”, contou.

Ambientalista, Aspásia Camargo, fez questão de ir ao encontro de Arthur Virgílio, após vê-lo no debate. “Eu tenho uma lista de coisas muito importante que ele disse durante o debate, e o que ele fez foi quebrar um pouco a mesmice dos candidatos que, às vezes, já têm um discurso preparado e todo arrumadinho. Ele desarrumou nossa cabeça e depois arrumou de novo, para melhor”, afirmou. Ela destacou a abordagem de Arthur Virgílio sobre a segurança e, principalmente, sobre as questões que envolvem a defesa da Amazônia e o desenvolvimento sustentável da região. “Eu acredito que o futuro das cidades é a sustentabilidade, com energia renovável, alta tecnologia, entre outras inovações”, finalizou.

“Estou muito lisonjeado com a receptividade que tive aqui no Rio. Senti-me em casa. O resultado das prévias, o que vier, veio, e eu torço para vencer. Agora, o que estou feliz é com a receptividade do nosso discurso sobre Brasil, Amazônia e democracia. Isso é o que o pessoal estava querendo ouvir e estou feliz, muito feliz”, concluiu Virgílio.

Publicações relacionadas

Empresa atrasa novamente salário de enfermeiros e deputado solicita fiscalização

Redação

MOTOROLA ‘MOTO E LE’ COM SNAPDRAGON 632 APARECE EM VAZAMENTO

Redação

Delegado é condenado a 30 anos de prisão em regime fechado após três dias de julgamento, em Manaus

Redação