Amazonas Destaques Manaus

Apenas veículos com autorização poderão atravessar a Ponte Phelippe Daou, no AM, diz governo

Após decreto estadual que proíbe viagens intermunicipais e interestaduais no Amazonas, veículos precisarão de autorização para atravessar a Ponte Rio Negro, que liga Manaus aos municípios de Iranduba, Manacapuru e Novo Airão.

A Medida foi anunciada após reunião com órgãos fiscalizadores e representantes das prefeituras na tarde desta quarta-feira (8) e faz parte do enfrentamento à pandemia do coronavírus. De acordo com o documento, apenas veículos que transportam trabalhadores em situações de urgência e emergência e os que fazem parte dos serviços essenciais, como transporte de cargas está autorizado.

As prefeituras devem enviar por meio da internet aos órgãos fiscalizadores listas oficiais contendo os nomes dos profissionais autorizados. Os autorizados também devem apresentar documento de identificação durante a abordagem.

A Agência Reguladora dos Serviços Públicos Delegados e Contratados do Amazonas (Arsepam) ficará responsável pela fiscalização da paralisação do serviço de transporte rodoviário intermunicipal; o Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) irá fiscalizar carros de aplicativo e demais veículos que tentarem passar pela rodovia estadual AM-070.

Publicações relacionadas

Sobe para cinco número de casos suspeitos do novo coronavírus no AM; um foi descartado

Redação

Wilson Lima entrega mais de R$ 3,5 milhões em equipamentos para reforçar segurança pública no Amazonas

Redação

Presidente Jair Bolsonaro manda respiradores para o Amazonas

Redação

Deixe uma resposta