Amazonas Destaques Manaus

Amazonas se aproxima da fase laranja da Covid-19, alerta FVS-RCP

Manaus – O Amazonas segue na fase amarela (baixo risco), mas se aproxima da fase laranja (risco moderado) na transmissão do novo coronavírus (SARS-CoV-2), segundo destaca o boletim da Situação Epidemiológica da Covid-19 no Amazonas, divulgado nesta quarta-feira (8).

Conforme o boletim, houve um aumento na pontuação do Estado a partir do cálculo de avaliação de risco de transmissibilidade do vírus de 8 pontos, em 11 de novembro, para 9 pontos em 6 de dezembro. Isso representa o limite para a fase amarela e a aproximação da fase laranja que é de 10 a 14 pontos.

O cálculo é realizado com base na evolução da pandemia e a capacidade do sistema de Saúde do Amazonas. Segundo a diretora-presidente da FVS-RCP, Tatyana Amorim, a nova estatística está relacionada ao aumento de casos registrados por Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) nos últimos 14 dias, que inclui os casos graves de Covid-19.

Tatyana destacou que o Estado enfrenta o inverno amazônico, também conhecido como período chuvoso, que segue de novembro a maio. “Além do novo coronavírus, estão circulando vírus que podem levar a complicações clínicas e internações hospitalares. Por isso, é tão importante que todos façam uso das medidas preventivas à Covid-19”, afirmou a diretora-presidente da FVS-RCP.

Entre os vírus que circulam no Estado nesse período chuvoso estão Influenza A e B, Vírus Sincicial Respiratório (VSR), Adenovírus, Parainfluenza, Coronavírus e Metapneumovírus.

O Amazonas se aproxima da fase laranja (risco moderado) na transmissão do novo coronavírus, segundo a FSV-RCP (Foto: Girlene Medeiros / FVS-RCP)

Aumento de casos em duas semanas
Especificamente sobre o cenário epidemiológico de Covid-19, o boletim destaca que, nos últimos 14 dias, houve aumento na média diária de casos da infecção no Amazonas, aumentando de 24 para 32 casos por dia em Manaus e de 46 para 80 diários no interior do Estado.

Manaus é responsável por 54% dos casos registrados em todo o Estado em 2021. Alguns municípios do interior apresentaram aumento no número de casos, destacando-se Jutaí (1.654 casos), Boa Vista do Ramos (447) e Autazes (309).

Outro aumento registrado foi identificado na taxa de incidência de Covid-19 em diferentes faixas etárias na comparação entre outubro e novembro. “Houve um aumento dos casos em todas as faixas etárias, principalmente entre os que tem 20 a 59 anos. No entanto, durante todo o período da pandemia, a incidência foi maior em pessoas de 60 anos ou mais”, afirmou o diretor técnico da FVS-RCP, Daniel Barros.

Já em relação às hospitalizações, nos últimos 14 dias, o boletim destaca que houve redução de 8% no número de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) ocupados por pacientes com Covid-19 na rede de saúde pública. Nos hospitais privados, houve variação de 40%. Nos leitos clínicos, houve variação de 16% no número de leitos clínicos ocupados por pacientes com Covid-19 nos hospitais da rede pública e redução de 66% na rede privada de Manaus.

Nos últimos 14 dias, a média móvel diária de óbitos no Estado vêm apresentando estabilidade, com valores aproximados a 2 óbitos por dia. “As hospitalizações e óbitos permanecem estáveis. Há vários dias em novembro em que não foram registrados óbitos pela Covid-19 no Amazonas. Esses números baixos certamente se devem ao avanço da vacinação que protege contra o avanço da doença a casos mais graves e óbitos”, acrescentou o diretor técnico da FVS-RCP.

Prevenção
As medidas preventivas contra a Covid-19 continuam sendo as recomendações da FVS-RCP para enfrentar a pandemia: adesão à campanha nacional de vacinação contra a infecção, uso de máscara de proteção respiratória, higienização das mãos (com água e sabão e/ou álcool a 70%), distanciamento social e evitar aglomerações de pessoas.

Referência
A FVS-RCP é responsável pela Vigilância em Saúde do Amazonas. A instituição funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, na Avenida Torquato Tapajós, nº 4.010, bairro Colônia Santo Antônio, zona norte de Manaus. Outras informações podem ser obtidas pelos telefones (92) 2129-2500 e 2129-2502.

Fonte: D24am. Leia mais em https://d24am.com/coronavirus-no-amazonas/amazonas-se-aproxima-da-fase-laranja-da-covid-19-alerta-fvs-rcp/

Publicações relacionadas

Perspectiva: David tem 14 pontos de vantagem sobre Amazonino no segundo turno

Redação

Maia defende retomada das agendas de reforma no Congresso

Redação

Em expedição do Peru ao Brasil, grupo de cientistas mapeia e estuda população de botos na bacia do Rio Amazonas

Redação