Amazonas Destaques Manaus

AM recebe EPIs, testes rápidos para Covid-19 e álcool gel enviados pelo Ministério da Saúde

O Governo do Amazonas recebeu do Ministério da Saúde mais de 118 mil itens de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), 8.200 testes rápidos para confirmação de casos do novo coronavírus (Covid-19), além de 273 frascos de álcool gel com 190 gramas cada um. O estado registra, conforme boletim divulgado pela Fundação de Vigilância em Saúde (FVS-AM), nesta quarta-feira (15), 1.554 casos confirmados de Covid-19, com 106 casos.

O material enviado para a Central de Medicamentos do Amazonas (Cema), nesta quarta-feira, deve ser distribuído pela Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas (Susam) para as unidades estaduais de saúde.

O governo informou que foram recebidos 114 mil luvas em látex, 4,7 mil máscaras de proteção respiratória e 160 óculos de proteção, totalizando 118.860 itens. O Ministério da Saúde enviou 410 kits de testes rápidos para Covid-19, cada kit equivalendo a uma caixa com 20 unidades, totalizando 8.200 testes.

A Justiça estadual já havia determinado, no dia 8 deste mês, que o Governo do Amazonas e a Prefeitura de Manaus forneçam, dentro de um prazo de 48 horas, Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), como álcool-gel, gorro, óculos de proteção e máscara cirúrgica, a todos os profissionais de saúde.

A decisão faz parte das medidas de enfrentamento à pandemia do novo coronavírus, e, caso não seja cumprida, os órgãos pagarão multa de até R$ 100 mil.

A Susam destacou, na última sexta-feira (10), que os insumos e EPIs não estão em falta, mas tem orientado os gestores das unidades de saúde da rede estadual a fazerem o uso racional e adequado dos produtos, para evitar desabastecimento.

As orientações expressas em Nota Técnica da secretaria enviada às unidades levam em consideração o aumento expressivo do uso dos materiais após a pandemia de Covid-19 e a dificuldade de aquisição dos produtos no mercado. Um levantamento da secretaria mostra que o consumo médio semanal hoje na rede é o equivalente ao consumo mensal antes da Covid-19.

O Amazonas já havia recebido, no dia 2 de abril, um lote com 9.600 testes rápidos para novo coronavírus, enviados pelo Ministério da Saúde. A Central de Medicamentos do Amazonas (Cema) anunciou, no dia 9 deste mês, que recebeu uma remessa de 10 mil testes rápidos adquiridos com recursos próprios do Governo do Estado.

Publicações relacionadas

‘Lockdown’ no Pará começa nesta quinta-feira (07); confira o que muda no Estado

Redação

Candidato a prefeito em Manaus poderá gastar até R$ 10,227 milhões na campanha

Redação

SSP tem R$ 10 milhões em dívidas com fornecedora de munição e sistema pode colapsar

Redação

Deixe uma resposta