Amazonas Destaques Manaus

Alexandre de Moraes suspende depoimento do blindado Aécio Neves, ambos são acusados de atrapalhar as investigações da Lava Jato

Parece que o ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Alexandre de Moraes não fica brabinho quando se trata de colegas com suspeitas claras de corrupção e acatou um pedido da defesa do deputado federal Aécio Neves (PSDB-MG) e suspendeu hoje o depoimento dele no inquérito que apura superfaturamento na construção da Cidade Administrativa, sede do governo estadual mineiro, enquanto ele era governador.

O argumento da defesa de Aécio é a dificuldade de acesso aos depoimentos que o incriminaram perante o Juízo da Vara de Inquéritos Policiais de Belo Horizonte. Por esse motivo, Alexandre de Moraes já havia autorizado o acesso às delações na semana passada.

Já para perseguir a democracia da imprensa brasileira, no que diz respeito aos direitistas ele não pensa duas vezes.

Acusações em 2017 – Alexandre de Moraes e Aécio trabalharam juntos contra Lava Jato, diz PGR

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, afirma em trecho de seu inquérito que o senador afastado Aécio Neves (PSDB-MG) teria trabalhado em conjunto não só com o presidente Michel Temer (PMDB) para frear a Lava Jato. O procurador aponta também o ministro do STF Alexandre de Moraes.

“Mais especificamente sobre a Lava Jato, o senador teria tentado organizar uma forma de impedir que as investigações avançassem, por meio da escolha dos delegados que conduziriam os inquéritos, direcionando as distribuições, mas isso não teria sido finalizado entre ele, Michel Temer e o ex-ministro da Justiça e atual Ministro do Supremo Tribunal Federal, Alexandre de Moraes”, afirma Janot em trecho do inquérito.

Em nota, Aécio Neves nega que tenha tomado qualquer medida para conter o avanço da operação Lava Jato. Já as assessorias de imprensa tanto do Palácio do Planalto, quanto de Alexandre de Moraes, não se manifestaram sobre o caso até o momento.

Publicações relacionadas

Na abertura do ‘Muda Manaus’, Wilson Lima anuncia convocação de 796 bombeiros médicos

Redação

Procuradoria da ALE dá parecer favorável e inicia processo de impeachment de Wilson e Carlos

Redação

Com normas rígidas de segurança, TCE-AM retoma atividades presenciais na segunda (21)

Redação

Deixe uma resposta