Amazonas Destaques Manaus Polícial

Adolescente de 16 anos é resgatada de cativeiro em Manaus; vítima era torturada, diz polícia

Caso foi registrado no 14° Distrito Integrado de Polícia (DIP), em Manaus — Foto: Marcos Dantas
Caso foi registrado no 14° Distrito Integrado de Polícia (DIP), em Manaus — Foto: Marcos Dantas

Caso foi registrado no 14° Distrito Integrado de Polícia (DIP), em Manaus — Foto: Marcos Dantas

Uma adolescente de 16 anos foi resgatada, na manhã deste domingo (8), de um cativeiro localizado dentro de uma casa no bairro Nova Vitória, Zona Leste de Manaus. Segundo a polícia, a menor estava sendo torturada por criminosos e, possivelmente, seria morta. Uma jovem de 19 anos e um menino de 15 tentaram entrar no local para resgatar a menina, mas acabaram sendo feitos refém. Ninguém foi preso.

De acordo com o Boletim de Ocorrência (B.O) registrado no 14º Distrito Integrado de Polícia (DIP), a estudante de 19 anos voltava da festa com o primo, o menor de idade. Por volta das 7h, eles passaram pela Rua Nove de Dezembro, na comunidade Gilberto Mestrinho, ouviram gritos e foram em direção à casa. Lá, encontraram a menina em cárcere privado, mas acabaram sendo rendidos por três homens armados.

Tanto a moça quanto o primo acabaram, também, virando reféns dos criminosos dentro da casa – junto a adolescente de 16 anos.

Ainda na manhã deste domingo (8), a polícia ,por meio do Centro Integrado de Operações e Segurança (Ciops), recebeu uma ligação com a denúncia de que, no endereço, ouvia-se muitos gritos de uma mulher dentro de uma casa.

Segundo o tenente Raymilson, da 4ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) que atende o bairro, uma equipe policial foi até o local para verificar a denúncia.

“Ao chegar no local, a equipe se deparou com a casa e observou que, com a chegada da polícia, vários elementos fugiram para uma área de mata. Dentro da residência haviam três vítimas. Eles contaram que a menor estava sendo torturada e possivelmente seria morta”, contou.

A adolescente foi encontrada pela polícia dentro de um quarto com as mãos amarradas para trás. Para a polícia, a menor disse que foi sequestrada. O caso foi registrado no 14º DIP, que segue as investigações para identificar os criminosos envolvidos no crime.

Publicações relacionadas

Fornecedora da Seduc tem endereço em hotel

Redação

Arthur cobra vacina do governo federal

Redação

Homens suspeitos de envolvimento em homicídios são presos em Manaus

Redação

Deixe uma resposta