Amazonas Brasil Destaques Manaus

ACOMPANHE OS DESTAQUES DO DIA, COMEÇANDO COM ” início de processo de impeachment de Wilson Lima e do vice”

🔻 Assembleia inicia hoje o processo de impeachment de Wilson Lima e do vice

🔻 Tudo começa com a leitura de 600 páginas do processo

🔻 Blocos partidários vão indicar membros da Comissão

🔻 Expectativa é para quem será o presidente e o relator

A Assembleia Legislativa do Amazonas promete ter hoje uma sessão histórica com a formação da Comissão Especial que vai elaborar o parecer sobre o impeachment do governador e do vice. É a primeira vez que um governador do Estado sofre vai responder a um processo de impeachment. Tudo começa com a leitura de 600 páginas que constam na denúncia de crime de responsabilidade contra o governador e o vice. Os membros da Comissão serão indicados por sete blocos partidários e em seguida os deputados indicados vão eleger o presidente e o relator da Comissão. Se seguir o rito normal, o processo pode durar pelo menos dois meses.

✅ As indicações por blocos

O bloco DEM/PTB/PSC/MDB – Formado por Ferraz, Gomes, Saulo e Alessandra tem 3 vagas. O bloco Bloco Progressistas – Formado por Belão/Maiara e Álvaro tem 2 vagas. Bloco PL – Formado por Joana/Cabo Maciel tem 1 vaga. O Bloco PSD/PV – Formado por Bessinha e Cidade tem 1 vaga, totalizando sete vagas na Comissão Especial de deputados pró-governo.

✅ Outros blocos

Tem ainda os Blocos PRTB/PSL/Patriotas/PSDB/Republicanos – Formado por Josué, Fausto, Péricles, Felipe, Terezinha e João Luiz que tem 5 vagas. já o Bloco Podemos – Formado por Wilker, Abdala e Dermilson tem 2 vagas. Bloco PSB/PDT/PT – Formado por Serafim, Adjuto e Sinésio tem 2 vagas, totalizando 9 vagas de deputados que hoje se declaram independentes ou de oposição ao Governo.

✅ “Agora é com o povo, deputados e com Deus”

Ao anunciar a formação da Comissão para esta terça-feira (12/5), o presidente da Aleam, Josué Neto, escreveu no seu Twitter:
“Passamos pela Primeira fase, recebendo a denúncia com os documentos exigidos por Lei. Amanhã (Terça) se dará o início do Processo de Impeachment do Governador e do Vice Governador. Agora é com o povo, deputados e com Deus.

✅ Tropa de choque de Wilson

Mesmo com 70% dos amazonenses favoráveis ao seu impeachment, Wilson Lima tem hoje a quantidade mínima necessária (9 deputados ) para evitar o impeachment. São eles: Joana Darc, Alessandra Campelo, Saullo Vianna, Carlos Bessa, Roberto Cidade, Cabo Maciel, Álvaro Campêlo, Terezinha Ruiz e João Luís. Ma é só o começo. Serão semanas de tensão política.

✅ Parece diz que impeachment é ilegítimo

Ontem, o Governo distribuiu para imprensa um parecer do advogado e ex-ministro do STF, Ilmar Galvão, que diz que o processo de impeachment do governador e do vice difere de todos os julgamentos de impeachment já julgados pela Suprema Corte e é ilegítimo. Josué Neto, segundo ainda o parecer, não tem a imparcialidade necessária para presidir o julgamento.

✅ Relações perigosas

No dia 8 de maio, o jornalista Claudio Humberto, postou no site “Diário do Poder”: Às voltas com seu impeachment iminente e alvo de processo no Superior Tribunal de Justiça (STJ) por compra superfaturada de respiradores, o governador do Amazonas, Wilson Lima, circulou em Brasília,com um Alessandro Bronze, lobista que teria “grande influência” nos tribunais”.Na capital federal ficam os escritórios dos advogados mais conhecidos e mais caros do Brasil.

✅ Pensão restabelecida

Por decisão do desembargador Aristóteles Thury,o ex-governador do Amazonas, José Melo, voltará a receber a pensão especial de R$ 34,5 mil a partir deste mês. O Tribunal de Justiça do Amazonas havia decidido cessar a suspensão do pagamento, suspenso em fevereiro de 2020, após revogação do Art. 278, que previa o benefício aos ex-governadores do estado. Melo teve mandado cassado em 2016 por compra de votos.

✅ Isolamento social

O governador Wilson Lima se reúne hoje (12) com chefes dos poderes e representantes do comércio e indústria para avaliar medidas mais restritivas para o combate à pandemia. “O objetivo é salvar vidas e se não houver redução comprovada nos registros de casos, de pacientes graves e óbitos, não há como promover reabertura. Ao contrário, podemos, seguindo orientações da área de SAÚDE, promover mais restrições para que as pessoas fiquem em casa.“, justificou o governador em seu Twitter na manhã desta terça-feira.

Publicações relacionadas

Após atuação do MPF, Ministério da Cidadania repassa recursos para atendimento humanitário no Amazonas

Redação

Presidente Roberto Cidade anuncia membros da CPI da Amazonas Energia

Redação

Corpo de homem é encontrado nas margens de igarapé no Centro de Manaus

Redação

Deixe uma resposta